Apple e FBI se confrontarão novamente sobre criptografia

O FBI defendeu no mês passado um mandado para obrigar a Apple a prestar assistência no desbloqueio do iPhone de um dos atiradores da Califórnia

Washington - A Apple e o FBI vão retornar ao Congresso dos Estados Unidos, na próxima semana, para testemunhar diante dos parlamentares sobre seu acalorado desentendimento sobre o cumprimento das leis em aparelhos criptografados, anunciou um comitê do Congresso nesta quinta-feira.

O conselheiro geral da Apple, Bruce Sewell, e Amy Hess, diretora-executiva assistente para ciência e tecnologia do FBI, testemunharão em painéis separados do subcomitê House Energy and Commerce na terça-feira, além de outros agentes da lei e especialistas em tecnologia.

O diretor do FBI, James Comey, se apresentou perante um comitê do Congresso dos EUA no mês passado para defender a busca da polícia federal norte-americana de um mandado judicial para obrigar a Apple a prestar assistência no desbloqueio do iPhone de um dos atiradores de San Bernardino, Califórnia. Sewell também testemunhou na audiência.

Desde então o FBI abandonou o caso de San Bernardino, pois uma terceira parte, ainda mantida em segredo, ajudou o governo a hackear o telefone.

Outras testemunhas incluem o chefe do setor de inteligência do Departamento de polícia de Nova York, Thomas Galati, o comandante da Força Tarefa para Crimes Contra Crianças na Internet de Indiana, Charles Cohen e o professor e especialista de segurança da computação da Universidade da Pensilvânia, Matthew Blaze.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também