Apresentado por BETTERFLY

App usa tecnologia para transformar hábitos saudáveis em doações

Integrada com apps e dispositivos que acompanham hábitos saudáveis, a Betterfly é considerada o primeiro unicórnio social da América Latina
Eduardo ao lado do irmão Cristóbal, da Betterfly: pelo app, usuário pode usar seus BetterCoins para plantar árvores, doar refeições, e até oferecer aulas de educação física a crianças carentes (Betterfly/Divulgação)
Eduardo ao lado do irmão Cristóbal, da Betterfly: pelo app, usuário pode usar seus BetterCoins para plantar árvores, doar refeições, e até oferecer aulas de educação física a crianças carentes (Betterfly/Divulgação)
Por exame.solutionsPublicado em 22/06/2022 09:00 | Última atualização em 21/06/2022 16:32Tempo de Leitura: 4 min de leitura

Um estudo publicado na renomada revista científica The Lancet calculou que o sedentarismo custa cerca de R$ 220 bilhões por ano à economia mundial. Além dos gastos com saúde, o montante inclui também perdas de produtividade – quando o indivíduo acaba por produzir menos do que seria capaz se tivesse um estilo de vida mais saudável. Os danos ao bem-estar das pessoas, entretanto, são impossíveis de calcular em cifras.

Mas nem tudo são espinhos: 1 hora de exercícios físicos por dia, diz a pesquisa, é suficiente para compensar os efeitos nocivos do sedentarismo. O problema, você deve saber, é desenvolver e manter esses hábitos em meio a um cotidiano que já demanda tanto. Pensando nisso, uma startup chilena desenvolveu um mecanismo de incentivo que já ajudou mais de 30 mil pessoas a encontrar sua melhor versão e, consequentemente, colaborar com a sociedade.

Criada em 2018 por um ex-executivo do J.P. Morgan e do Tyndall Group, a Betterfly  é uma plataforma que oferece a empresas e seus colaboradores seguros de vida, benefícios e ferramentas digitais pensadas para o bem-estar, como telemedicina, suporte psicológico, aulas fitness, nutricionista, entre outros.

Como funciona

O aplicativo é integrado com uma infinidade de outros apps de bem-estar e, a cada treino, meditação ou até caminhada registradas, o usuário aumenta a cobertura de seu seguro de vida ─ uma proteção financeira significativa. Mas, como a Betterfly é uma empresa B-Corp, as recompensas pelos bons hábitos não se restringem aos usuários.

Impacto social

Além do aumento na cobertura do seguro de vida, as atividades registradas no aplicativo também geram BetterCoins, que são pontos que podem ser convertidos em doações sociais de acordo com a preferência do usuário.

Pelo app, o usuário pode usar seus BetterCoins para plantar árvores, doar refeições a quem tem fome, levar água potável a quem não tem acesso e até oferecer aulas de educação física a crianças carentes.

Não à toa, a Betterfly se tornou o primeiro unicórnio social da América Latina, provando que é possível alcançar essa façanha gerando impacto social. Até hoje, a startup já plantou 33 mil árvores e distribuiu quase 50 mil litros de água e mais de 2 milhões de refeições. Tudo isso, fruto das mais de 5 milhões de atividades registradas desde a fundação da empresa.

“O que estamos fazendo é transformar uma apólice, que a pessoa pagava mas não usufruía em vida, em um serviço que ajuda o cliente a ter uma vida melhor, e pode ser usado todos os dias para inspirar a ter uma vida mais saudável e ainda ajudar outras pessoas, o que contribui para a felicidade e o bem-estar”, explica Eduardo della Maggiora, CEO e fundador da Betterfly.

Empresas também saem ganhando

As empresas que contratam a Betterfly para seus colaboradores também colhem bons frutos. Além dos ganhos de produtividade, as companhias que utilizam o app relatam uma queda de 30% na rotatividade de funcionários – um resultado bastante expressivo e que pode fazer a diferença em mercados como o de tecnologia, onde a disputa por talentos está cada vez mais acirrada.

Também é possível estimular o entrosamento e o trabalho em equipe com o BetterTogether, desafios grupais que colocam todo o time em movimento.

Em um dashboard único, os profissionais de RH podem personalizar o plano de benefícios de acordo com as necessidades da empresa, gerenciar tudo em tempo real, mensurar o impacto social gerado pela empresa e ainda acessar relatórios que fornecem um panorama preciso do bem-estar das equipes. E o melhor: enquanto as coberturas dos seguros de vida e as doações sociais crescem, o valor da assinatura permanece o mesmo.

Sócio-fundador de um grande escritório de advocacia de Santiago, cidade-natal da Betterfly, Albagli Zaliasnik se diz orgulhoso de oferecer os benefícios da Betterfly a seus colaboradores. “Estamos orgulhosos de contribuir para a causa da Betterfly junto com toda a nossa equipe. A premissa é que podemos causar um impacto positivo, ao mesmo tempo que aumentamos a conscientização sobre essas questões”, conta o executivo.