Aluno e professor faturam R$ 46 milhões com franquia de reabilitação de coluna

Doutor Hérnia já realizou mais de 280 mil atendimentos e capacitou totalmente 95,7% dos casos atendidos
Doutor Hérnia foi fundada em 2013 pelos fisioterapeutas Laudelino Risso e André Pêgas (Dr. Hérnia/Divulgação)
Doutor Hérnia foi fundada em 2013 pelos fisioterapeutas Laudelino Risso e André Pêgas (Dr. Hérnia/Divulgação)
I
Isabela RovarotoPublicado em 05/08/2022 às 12:57.

Na faculdade de fisioterapia, Dr. Laudelino Risso se interessou pelo tratamento da coluna vertebral ao acompanhar as aulas de seu então professor Dr. André Pêgas. Os dois criarem afinidade fora do ambiente acadêmico e em 2005 começaram a trabalhar juntos na clínica de Pêgas.

Após oito anos trabalhando juntos e compartilhando muitos estudos e pesquisas, os dois conseguiram aprimorar e desenvolver um método de avaliação e tratamento individualizado para as patologias da coluna vertebral. 

Hoje, com mais de 86 unidades instaladas no Brasil, a rede de franquias Doutor Hérnia já realizou mais de 280 mil atendimentos e capacitou totalmente 95,7% dos casos atendidos. Em 2021, o faturamento da rede foi de R$ 46 milhões.

Assine a newsletter EMPREENDA, a nova newsletter semanal da EXAME para quem faz acontecer nas empresas brasileiras

Dr. Laudelino afirma que este resultado se dá pela capacidade de treinar o fisioterapeuta, seguindo uma metodologia desenvolvida com base nas técnicas mais avançadas do mundo e principalmente pela experiência clínica que ambos puderam compartilhar ao longo destes anos.

“As pessoas têm o hábito de achar que ‘problema de coluna’ só se resolve com cirurgia. Nosso método vem mostrar o contrário, que é possível sim atingir bons resultados com a fisioterapia. Cada caso que entra em nossas clínicas, é tratado de forma individual e nosso método de tratamento só é determinado após avaliarmos os exames e a real situação de cada paciente”, conta Dr. André.

Dr. André explica que a reabilitação de hérnia de disco, pode ser concluída em até três meses de tratamento, que inclui ajuste mecânico, tratamento do disco e fortalecimento muscular.

“Uma vez que a coluna esteja estabilizada, o paciente consegue fazer praticamente tudo o que realizava antes. A maioria volta a ter qualidade de vida”, afirma.

A Doutor Hérnia oferece 11 tipos de serviços diferentes só para a coluna, que podem variar entre oito e vinte e quatro sessões. O preço dos tratamentos varia entre R$ 1 mil e R$ 3 mil.

Em 2021, a franqueadora cresceu 150%, para R$ 2,5 milhões — nona maior expansão na categoria de 2 a 5 milhões do Ranking Negócios em Expansão da EXAME

Para abrir uma unidade da Doutor Hérnia, o investimento inicial é de R$ 130 mil. O valor inclui a taxa de franquia, treinamento, suporte e a compra dos equipamentos, que serão utilizados em comodato até o fim do contrato. O prazo estimado de retorno é em até nove meses, mas já foram registrados casos de atingir a estabilidade do negócio em quatro meses.

Ficha técnica da Doutor Hérnia

  • Investimento total aproximado: R$ 130 mil
  • Taxa de Franquia: R$ 85 mil
  • Capital de giro: R$ 25 mil
  • Royalties: fixo
  • Fundo de propaganda: 5% dos royalties
  • Área mínima de uma unidade: 60 metros quadrados
  • Número mínimo de pessoas na operação: 3
  • Faturamento médio por unidade: R$ 30 mil
  • Lucro: R$ 12 mil
  • Prazo de retorno do investimento: 6 a 9 meses

VEJA TAMBÉM:

Executiva deixa cargo em multinacional para empreender: “O corporativismo me adoeceu”

Sem falar inglês, ele trabalhou em canteiros de obras nos EUA. Hoje tem um negócio de R$ 1,1 bi

CEO de empresa de US$ 68 bilhões pede demissão: "Vou sentar na praia e não fazer nada"