Vendas no varejo sobem 0,6% em setembro nos EUA

Washington - As vendas no varejo dos Estados Unidos subiram pelo terceiro mês seguido em setembro, registrando um aumento mais forte que o esperado. Segundo informou hoje o Departamento do Comércio, as vendas no varejo subiram 0,6% no mês passado. Economistas haviam projetado uma alta de 0,4%.

O aumento das vendas em setembro se segue à alta de 0,7% registrada em agosto - a maior em cinco meses. Originalmente, o Departamento do Comércio havia informado um crescimento de 0,4% das vendas em agosto. O aumento das vendas no varejo em setembro foi conduzido principalmente pelas compras de automóveis, autopeças, aparelhos eletrônicos e eletrodomésticos.

As vendas de automóveis e peças subiram 1,6% em setembro, depois de avançarem 1% em agosto, em dados revisados. Excluindo os automóveis, as vendas totais no varejo aumentaram 0,4% no mês passado. No período, as vendas de lojas de roupas recuaram 0,2%, enquanto as das lojas de artigos esportivos, hobbies, livros e música aumentaram 0,2%.

De acordo com o Departamento do Comércio, as vendas de postos de gasolina avançaram 0,4% em setembro, a mesma elevação registrada pelas vendas de alimentos e bebidas. Já as vendas de móveis cresceram 0,5%, enquanto as de aparelhos eletrodomésticos e eletrônicos subiram 1,5%. As vendas de produtos saúde e cuidados pessoais aumentaram 0,5%, enquanto as encomendas pelo correio e as vendas pela internet subiram 1%. As informações são da Dow Jones.

Leia mais notícias sobre os Estados Unidos

Siga as últimas notícias de Mundo no Twitter

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.