Trump desembarca em Tel Aviv para sua primeira visita a Israel

O presidente americano também viajará para a Palestina, onde se reunirá com o líder do país

Jerusalém – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, desembarcou nesta segunda-feira no Aeroporto Internacional Ben Gurion, perto de Tel Aviv, para uma visita oficial a Israel e Palestina, onde se reunirá com líderes de ambas partes.

O presidente de Israel, Reuven Rivlin, sua esposa Nechama, e primeiro-ministro do país, Benjamin Netanyahu e sua mulher Sara, foram os primeiros a dar as boas-vindas a Donald e Melania Trump.

Os primeiros a sair do Air Force One foram a filha de Donald, Ivanka e seu marido Jared Kushner, e seguidamente o casal Trump desceu as escadas que levavam ao tapete vermelho.

O recém-credenciado embaixador dos EUA no país, David Friedman, estava no grupo que recebeu o presidente, rodeado da guarda de honra e uma banda perante a qual todos posaram para a saudação oficial desta visita, antes de parar para escutar os hinos americano e israelense.

Esta é a segunda escala da primeira excursão internacional de Trump, que chegou diretamente desde a Arábia Saudita e inicia hoje sua agenda de trabalho com uma reunião em Jerusalém com o seu colega Rivlin.

De helicóptero, Trump voará até Jerusalém, onde se reunirá durante meia hora com Rivlin e fará junto a este uma breve declaração à imprensa.

Desde ali e acompanhado de Melania, Trump se deslocará à Cidade Velha do Jerusalém, em uma visita que causou controvérsia porque os presidentes americanos em atividade não costumam incluir em seu itinerário porque o local está situado em território palestino ocupado.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.