Reino Unido, mas não na Copa: por que Gales joga separado da Inglaterra

Com Gales na Copa pela primeira vez desde 1958, duas seleções do Reino Unido disputam separadamente a Copa do Mundo no Catar; entenda as divisões
País de Gales e Inglaterra: as duas seleções competem separadamente na Copa do Mundo (ronniechua/Getty Images)
País de Gales e Inglaterra: as duas seleções competem separadamente na Copa do Mundo (ronniechua/Getty Images)
D
Da Redação

Publicado em 21/11/2022 às 15:52.

Última atualização em 21/11/2022 às 16:02.

Inglaterra e País de Gales foram ambos classificados para a Copa do Mundo do Catar, o que não acontecia desde 1958, única outra vez em que Gales foi à Copa. A situação cria neste ano um cenário peculiar: colocará lado a lado na competição dois países que, na prática, fazem ambos parte do Reino Unido.

AO VIVO: Acompanhe as principais notícias e jogos da Copa no Catar

O Reino Unido é composto por quatro territórios (Inglaterra, País de Gales, Escócia e Irlanda do Norte), mas a FIFA, organização que coordena o futebol mundial e a Copa do Mundo, permite que as nações compitam de forma separada.

Essa configuração não havia ficado visível nas últimas competições. Historicamente, dos quatro países, só a Inglaterra tem conseguido se classificar para a Copa do Mundo nas eliminatórias europeias.

Harry Kane, da seleção da Inglaterra: time compete separadamente em relação aos outros países do Reino Unido (LightRocket/Getty Images)

A situação mudou na Copa de 2022, quando Gales conseguiu uma classificação histórica. Além de 2022, a única outra Copa jogada pelos galeses havia sido em 1958.

Além das Copas, a competição separada entre os membros do Reino Unido no futebol já gerou também alguns confrontos diretos, como o embate recente entre Inglaterra e Escócia na Eurocopa de 2021.

Por que Bale só disputará sua primeira Copa?

A chegada dos galeses à Copa proporcionará ao ídolo galês Gareth Bale disputar sua primeira Copa do Mundo. Oficialmente, Bale é cidadão do Reino Unido, mas como nasceu em Gales e as seleções de futebol disputam separadamente, Bale não havia ido às Copas com a Inglaterra.

Bale e companheiros celebram classificação de Gales para Copa 2022: primeira em 64 anos (Shaun Botterill/Getty Images)

O atacante tem 33 anos e já não está mais no auge da carreira, jogando hoje no futebol dos Estados Unidos, após passagens por Tottenham (na Inglaterra) e Real Madrid (na Espanha).

Apesar disso, a chegada de Gales à Copa neste ano é histórica para o país e para o atleta. "Assistir e sempre foi um pouco decepcionante para mim porque não vi o País de Gales jogar. Fazer parte disso agora é incrível. Todo mundo sonhava com isso há muito tempo", disse Bale.

A Copa de futebol tem um cenário diferente das Olimpíadas, nas quais Inglaterra, Gales e Escócia competem juntos, como "Time Grã-Bretanha". (Nas Olimpíadas, somente a Irlanda do Norte tem a opção de competir separadamente, e os atletas do país podem optar por se juntar ao Time Grã-Bretanha ou se unir aos vizinhos da Irlanda, ao sul.)

Hinos de Inglaterra e Gales são diferentes na Copa

Além de competirem separados, Gales e Inglaterra também têm hinos diferentes nesta Copa do Mundo.

O hino geral do Reino Unido, com a morte da rainha Elizabeth II, passou a conter os dizeres "God save the King" (Deus salve o rei), em vez de "Deus salve a rainha". Este é o hino tocado em competições em que o Reino Unido compete em grupo, como as Olimpíadas, ou quando atletas britânicos vencem em competições individuais.

Rainha Elizabeth II e Rei Charles III: monarcas são os chefes de Estado do Reino Unido (VICTORIA JONES/POOL/AFP/Getty Images)

É o hino tocado, por exemplo, quando o piloto Lewis Hamilton vence uma corrida na Fórmula 1, ou quando seu parceiro de equipe, o também britânico George Russell, venceu a corrida deste ano em Interlagos.

VEJA TAMBÉM: God Save the King? Rei Charles é vaiado em País de Gales por opositores da monarquia

A versão britânica é também a utilizada pela Inglaterra no início de suas partidas.

Porém, para a seleção de futebol, Gales não usa o hino britânico e traz um hino próprio, que é o mesmo utilizado nas eliminatórias ou outras competições além da Copa.

O hino de Gales será o tradicional "Land of my fathers" (Terra de meus pais), ou Hen Wlad Fy Nhadau em galês.

O hino foi composto ainda no fim do século 19, mas a tradição para os galeses de usar a canção em eventos esportivos começou com o time de rugby. A seleção de futebol galesa usou o hino britânico "God save the Queen" até 1975, quando passou a usar "Land of my fathers". O hino aparece pela primeira vez numa Copa do Mundo em 2022.

Qual é a diferença entre Inglaterra, Reino Unido e Grã-Bretanha

O Reino Unido é uma União, de um só governo centralizado, entre quatro países:

  • Inglaterra
  • País de Gales
  • Escócia
  • Irlanda do Norte (vale notar que a Irlanda, embora vizinha ao sul da Irlanda do Norte, não faz parte do Reino Unido e é um país independente).

A União surgiu após guerras e anexações, lideradas pela Inglaterra, sobretudo a partir dos séculos 17 e 18, o que gere rusgas e embates nacionalistas entre os quatro territórios até os dias atuais. Hoje, todos os países falam inglês como língua oficial, e todos usam a libra como moeda.

Pessoas de máscaras de proteção caminham pela Cowbridge Road East, em 12 de agosto de 2020, Cardiff, País de Gales.

Moradores em Cardiff, no País de Gales: Londres é a capital do Reino Unido, mas cada país membro também tem lideranças próprias  (Matthew Horwood/Getty Images)

Já o termo "Grã-Bretanha" se refere não a um país, mas à ilha onde três dos quatro territórios do Reino Unido estão localizados. Estão na Grã-Bretanha Inglaterra, Gales e Escócia - com exceção da Irlanda.

Por isso os cidadãos do Reino Unido são chamados de "britânicos", e é comum que Grã-Bretanha termine sendo usada como referência a todo o Reino Unido, apesar da ausência da Irlanda do Norte. Oficialmente, o nome do Reino Unido é Reino Unido da Grã-Bretanha e da Irlanda do Norte. 

Assim, as denominações, embora erroneamente usadas como sinônimos, são diferentes:

  • Reino Unido: a União entre quatro países;
  • Inglaterra: um dos países atrelados ao governo central do Reino Unido;
  • Grã-Bretanha: uma ilha em que estão os países Inglaterra, Escócia e Gales.

Duas seleções, um só governo

Assim, embora compitam de forma separada na Copa do Mundo, cidadãos de Gales e Inglaterra têm o mesmo governo.

O Reino Unido é uma monarquia parlamentarista. O chefe de Estado é o rei Charles III, enquanto o chefe de governo é o primeiro-ministro eleito em votação nos quatro territórios - os eleitores escolhem os parlamentares que os representarão no Parlamento e o partido com maioria escolhe seu líder, o primeiro-ministro em questão. O atual premiê é Rishi Sunak, que chegou ao cargo no mês passado após um troca troca na função.

VEJA TAMBÉM: Além do Reino Unido: quais são os 15 países em que Charles III será rei?

A capital do Reino Unido é Londres, que também é capital da Inglaterra e é onde ficam as estruturas do governo, como o Parlamento e a residência oficial da monarquia.

Cada um dos outros países com exceção da Inglaterra também possui um líder local - o atual líder do País de Gales é o trabalhista Mark Drakeford.

Vale lembrar, o Reino Unido não faz mais parte da União Europeia oficialmente desde 2021 (após uma decisão tomada em referendo em 2016, em processo conhecido como "Brexit"). A saída da UE, inclusive, gerou divisões entre os membros do Reino Unido: Gales e Inglaterra votaram para sair (53% dos votos), enquanto Escócia e Irlanda do Norte votaram para ficar.