Reino Unido investiga contas do Exército hackeadas em redes sociais

"Estamos cientes de uma violação das contas do Exército no Twitter e no YouTube, e uma investigação está em andamento", informou o ministério.
 (British Army/Facebook/Divulgação)
(British Army/Facebook/Divulgação)
A
AFPPublicado em 04/07/2022 às 07:16.

Autoridades abriram uma investigação depois que as contas das Forças Armadas no Twitter e YouTube foram hackeadas, anunciou neste domingo o Ministério da Defesa britânico.

"Estamos cientes de uma violação das contas do Exército no Twitter e no YouTube, e uma investigação está em andamento", informou o ministério.

Vídeos sobre criptomoedas e imagens do empresário Elon Musk apareceram na conta do Exército no YouTube, enquanto mensagens que pareciam estar relacionadas a NFTs foram compartilhadas em sua conta no Twitter.

Veja também: 

Guerra na Ucrânia: Rússia diz controlar Lugansk após conquista de última cidade da região

Greves trabalhistas na Europa deixam portos abarrotados de contêineres com destino aos EUA