Mundo

Reino Unido: em crise de popularidade, Sunak anuncia medidas para restringir imigração

Nova política proíbe que estudantes estrangeiros levem suas famílias ao país e reduz fluxo de profissionais de outros continentes para concorrer a vagas de emprego com britânicos

Rishi Sunak: premier britânico enfrenta dificuldades em seu governo (Dominika Zarzycka/Getty Images)

Rishi Sunak: premier britânico enfrenta dificuldades em seu governo (Dominika Zarzycka/Getty Images)

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Agência de notícias

Publicado em 4 de dezembro de 2023 às 15h52.

O primeiro-ministro do Reino Unido, Rishi Sunak, afirmou hoje que a imigração no país está muito alta, e que adotará "medidas radicais" para derrubá-la. Em sua conta na rede social "X", o britânico disse que estas ações "garantirão que a imigração beneficie sempre o Reino Unido". As mudanças atingem e limitam inclusive a imigração legal ao país.

Uma das ações proíbe que estudantes de outros continentes levem suas famílias ao Reino Unido, a menos em casos específicos de pós-graduação. Outra medida, menos detalhada, prevê uma redução do fluxo de estrangeiros que cortem empregos de cidadãos britânicos.

Os anúncios vem em meio a pesquisas desastrosas de popularidade do líder britânico. Segundo a Bloomberg, Sunak presidiu um "ano de declínio" que causou uma "implosão" no voto conservador, colocando o Partido Trabalhista da oposição firmemente no caminho do poder, de acordo com uma análise aprofundada das pesquisas realizadas no Reino Unido nos últimos 18 meses realizado pela JL Partners.

Apenas 59% dos eleitores que apoiaram os conservadores de Boris Johnson nas eleições de 2019 permanecem no partido de Sunak, concluiu o relatório. Isso representa uma queda em relação dos 74% em agosto de 2022 e dos 63% no rescaldo do desastroso "mini-orçamento" de Liz Truss em setembro de 2022, que perturbou os mercados e provocou o fim abrupto do seu mandato.

Acompanhe tudo sobre:Reino UnidoRishi SunakImigração

Mais de Mundo

Convenção republicana começa sob sombra de ataque a Trump e expectativa para revelar vice

Fãs de Trump se reúnem em Milwaukee para lhe dar apoio: "precisa saber que é amado"

Biden pede que país 'reduza a temperatura política' e que evite o caminho da violência

Nikki Haley é convidada de última hora como oradora para convenção republicana

Mais na Exame