Rebeldes assumem controle de capital de província síria

"Esta é a primeira capital provincial fora do controle do regime",disse o chefe do OSDH, uma ONG que se apoia em uma ampla rede de militantes e médicos em todo a Síria

Beirute - Rebeldes sírios tomaram nesta quarta-feira o controle total de Raqqa, primeira capital de uma província da Síria a cair nas mãos dos insurgentes, dois anos depois do início da revolta contra o regime de Bashar al-Assad, indicou uma ONG.

A cidade de Raqa, capital da província de mesmo nome localizada no noroeste do país perto da fronteira turca, "está inteiramente fora do controle das forças do regime após a rendição dos últimos membros dos serviços militares após dois dias de combates", afirmou Rami Abdel Rahmane, diretor do Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

"A sede da inteligência militar era o último prédio nas mãos das forças do regime", antes de sua queda nesta quarta-feira nas mãos rebeldes, informou.

"Esta é a primeira capital provincial fora do controle do regime", ressaltou o chefe do OSDH, uma ONG que se apoia em uma ampla rede de militantes e médicos em todo a Síria.

O OSDH afirmou ainda estar preocupado quanto ao destino de "centenas" de milicianos pró-regime e membros das tropas leais a Assad que se renderam aos rebeldes após a queda de sede da inteligência em Raqa.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.