Mundo

Por que os super-ricos ameaçam deixar o Reino Unido nos próximos anos?

Oposição promete avançar na questão dos impostos sobre riquezas

Críticos dizem que medidas dos trabalhistas podem esfriar ainda mais a economia local (Alexander Spatari/Getty Images)

Críticos dizem que medidas dos trabalhistas podem esfriar ainda mais a economia local (Alexander Spatari/Getty Images)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 14 de junho de 2024 às 09h50.

Bancos privados e os consultores de britânicos super-ricos estimam que alguns clientes poderão abandonar o país se os trabalhistas vencerem as eleições gerais do próximo mês e avançarem com os planos para acabar com as proteções fiscais sobre offshores que pretendem transmitir à gerações futuras. As informações são da Reuters.

O Partido Trabalhista, de Keir Starmer, lidera as pesquisas de opinião e publicou seu manifesto na quinta-feira. A legenda tem como alvo as pessoas mais ricas da Grã-Bretanha para apoiar um programa de gastos públicos focado em escolas, assistência social, reforma energética e no Serviço Nacional de Saúde.

Cerca de 70 mil pessoas que vivem no Reino Unido, mas que pagam pouco ou nenhum imposto no Reino Unido sobre o dinheiro que ganham no exterior, já começaram a perceber um mudança de cenário quando o atual governo conservador declarou, em março, que iria eliminar gradualmente alguns benefícios fiscais.

No entanto, em propostas publicadas em abril, o Partido Trabalhista disse que iria avançar mais rapidamente para eliminar o "alívio" sobre rendimentos obtidos no exterior e expandir a atuação do governo britânico sobre heranças para incluir ativos em fundos estrangeiros destinados a pagar menos impostos, de acordo com a Reuters.

Os críticos dizem que as mudanças propostas pelos trabalhistas podem fazer mais mal do que bem à morna economia britânica, tornando o país um lugar menos atraente para os ricos viverem e investirem.

Espanha, Itália, Suíça, Dubai e Singapura podem tornar-se destinos interessantes para as famílias ricas do Reino Unido, segundo especialistas.

Acompanhe tudo sobre:Reino UnidoTaxas

Mais de Mundo

Novo primeiro-ministro britânico anuncia fim de plano de expulsar migrantes para Ruanda

Quem é Masoud Pezeshkian, vencedor da eleição presidencial no Irã que promete diálogo com Ocidente

Presidente eleito Masoud Pezeshkian defende a união entre iranianos

Na Bolívia, Lula tentará reaproximar Arce e Morales após tentativa de golpe de Estado

Mais na Exame