Pesquisa diz que árabes desaprovam ações de Obama na região

Estudo mostra que o apoio ao presidente cresceu na região, mas se manteve abaixo dos 50%

Os árabes acreditam que o governo do presidente americano, Barack Obama, realizou poucos avanços na construção do um Estado palestino, não deveria ter invadido a Síria e falhou em seu apoio aos líderes interinos no Egito, segundo pesquisa divulgada nesta terça-feira.

O estudo, realizado cinco anos depois do histórico discurso de Obama no Cairo, quando anunciou a intenção de estreitar os laços com o mundo árabe, mostra que o apoio ao presidente cresceu na região, mas se manteve abaixo dos 50%.

Cerca de 7.000 árabes, de seis países (Arábia Saudita, Egito, Emirados Árabes Unidos, Jordânia, Líbano e Marrocos) foram entrevistados em maio pelo instituto Zogby.

A pesquisa revela que muitos aprovam as negociações sobre o programa nuclear iraniano, mas não acreditam que as ambições atômicas de Teerã serão contidas.

A maioria dos árabes "têm muita pouca confiança em que os Estados Unidos estão comprometidos com um Estado palestino independente", diz o texto.

Sobre a guerra na Síria, a maior parte dos entrevistados acredita que o país deveria dar "maior atenção à crise humanitária dos refugiados".

Além disso, em meio a tensão política no Egito, a maior nação árabe do mundo, 53% dos das pessoas opinaram que os americanos não deram apoio suficiente ao governo militar interino que substituiu Mohamed Mursi.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.