Patriarca cristão do Egito critica capa do Charlie Hebdo

Tawadros II disse que rejeita a capa do jornal francês que representa o profeta Maomé, algo que considera ofensivo

O patriarca dos cristãos coptas ortodoxos no Egito, Tawadros II, afirmou nesta quarta-feira que rejeita a capa da revista francesa Charlie Hebdo que representa o profeta Maomé, algo que considera ofensiva.

"O insulto é reprovável em todos os níveis", afirmou o patriarca em coletiva de imprensa, em resposta a uma pergunta sobre a revista.

"O insulto em nível pessoal entre homens é reprovável, e quando afeta as religiões, não é nem humano, nem moral ou socialmente aceitável, e não contribui em nada para a paz mundial".

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.