Mundo

Partido Socialista francês anuncia apoio a Dilma

Candidata e primeira secretária do PS da França, Martine Aubry, comparam a situação da aposentadoria nos dois países durante encontro

Candidata do PT à Presidência é recebida pelo presidente francês, Nicolas Sarkozy, em Paris (.)

Candidata do PT à Presidência é recebida pelo presidente francês, Nicolas Sarkozy, em Paris (.)

DR

Da Redação

Publicado em 10 de outubro de 2010 às 03h36.

Paris - O Partido Socialista francês reafirmou nesta quarta-feira seu apoio à campanha presidencial de Dilma Rousseff, candidata do Partido dos Trabalhadores (PT) para suceder o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Em um encontro celebrado pela manhã na sede socialista de Paris, a candidata governista recebeu o apoio da primeira secretária dos socialistas franceses, Martine Aubry, indicou um comunicado do Partido Socialista.

As duas mulheres se reuniram dentro do primeiro giro europeu da candidata do PT, que começou em Paris. Elas falaram a situação econômica e social dos dois países e da necessária regulação do sistema financeiro.

Também conversram sobre a decisão de Lula aumentar as aposentadorias num momento em que a França "está ameaçada por uma decisão injusta e irresponsável" do presidente francês Nicolas Sarkozy, afirma o comunicado.

O governo francês anunciou nesta quarta um projeto de reforma do sistema que prevê aumentar de 60 a 62 a idade mínima para aposentadoria.

Igualmente falaram sobre o imposto sobre os movimentos financeiros que o Partido Socialista Europeu (PSE) adotará em Bruxelas.

Estiveram presentes no encontro o secretário nacional para a Europa e para as Relações Internacionais do PS, Jean Christophe Cambadelis, e o secretário-geral do PT, José Eduardo Cardozo.

Na tarde desta quarta, Dilma deve se reunir com o presidente Sarkozy.

Acompanhe tudo sobre:Dilma RousseffEleiçõesEleições 2010EuropaFrançaPaíses ricosPersonalidadesPolítica no BrasilPolíticosPolíticos brasileirosPT – Partido dos Trabalhadores

Mais de Mundo

Bandeira invertida coloca Suprema Corte dos EUA em apuros

Primeiro-ministro eslovaco passa por nova cirurgia e segue em estado grave

Vaticano alerta contra episódios imaginários relacionados a milagres e aparições

Governo Biden quer reclassificar maconha como droga de menor risco

Mais na Exame