Partido de Musharraf conquista cadeira no Parlamento

Musharraf voltou do exílio em março com a intenção de "salvar o Paquistão" nas eleições, mas a justiça ordenou sua prisão domiciliar

Islamabad - O partido do ex-presidente paquistanês Pervez Musharraf (1999-2008), cuja candidatura às eleições gerais do fim de semana foi invalidada pela justiça, conquistou no entanto uma cadeira no Parlamento federal.

Musharraf, 69 anos, voltou do exílio em março com a intenção de "salvar o Paquistão" nas eleições, mas a justiça ordenou a prisão domiciliar e invalidou sua candidatura às eleições em Chitral, pequena localidade do noroeste do país onde é muito popular.

O partido de Musharraf, All Pakistan Muslim League (APLM), decidiu então boicotar as eleições. Mas o protesto foi anunciado depois da impressão das cédulas de voto e assim a população de Chitral teve a possibilidade de votar no substituto de Musharraf.

A comissão eleitoral anunciou nesta segunda-feira que o substituto local de Musharraf, Iftikhar Uddin, foi eleito para o Parlamento.

Musharraf, acusado no caso do assassinato da ex-primeira-ministra Benazir Bhutto, chegou ao poder em 1999 em um golpe de Estado contra o governo eleito de Nawaz Sharif e renunciou em 2008.

Ironia do destino, a votação do fim de semana deu a vitória ao partido Liga Muçulmana (PML-N) de Sharif, que voltará ao poder.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também