Os tiroteios mais sangrentos nos EUA nos últimos 25 anos

O tiroteio em Orlando já é considerado o mais sangrento da história norte-americana. Veja quais foram os piores massacres nos últimos 25 anos nos EUA

O tiroteio da madrugada deste domingo em uma boate gay de Orlando, na Flórida, que deixou ao menos 50 mortos, foi o mais sangrento da história dos Estados Unidos.

Seguem abaixo os piores massacres dos últimos 25 anos no país.

Os tiroteios mais sangrentos

- 16 de abril de 2007: um estudante de origem coreana mata 32 pessoas antes de se matar no campus da Universidade de Virgínia Tech, em Blacksburg, no estado da Virgínia (leste).

- 14 de dezembro de 2012: um jovem mata 26 pessoas, entre elas 20 crianças, na escola Sandy Hook, em Newton (Connecticut, nordeste), antes de se suicidar.

- 16 de outubro de 1991: um homem mata 22 pessoas em um restaurante de Killen (Texas, sul) e fere outros 20 antes de se matar.

- 2 de dezembro de 2015: dois islamitas radicais de origem paquistanesa abrem fogo em um almoço de Natal em San Bernardino (Califórnia, oeste), deixando 14 mortos e 22 feridos.

Outros tiroteios que marcaram a História

- Columbine

Em 20 de abril de 1999, em Littleton (Colorado, oeste), dois estudantes abrem fogo na escola de Columbine e matam 12 estudantes, um professor e deixam 24 pessoas feridas. Os dois assassinos se suicidaram no local do massacre.

- Aurora

Em 20 de julho de 2012, um jovem fortemente armado invade o cinema de Aurora (Colorado, oeste) e abre fogo contra o público em uma sessão de meia-noite do filme Batman, deixando 12 mortos e 70 feridos. O autor do massacre, James Holmes, foi condenado em agosto de 2015 à prisão perpétua sem possibilidade de liberdade.

- Fort Hood

Em 5 de novembro de 2009, um psiquiatra militar de origem palestina realiza o mais grave tiroteio em uma base militar americana, matando 13 pessoas e ferindo outras 42 em Fort Hood (Texas, sul), antes de ser ferido e controlado.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.