A página inicial está de cara nova Experimentar close button

“O povo dessa nação nos deu uma vitória clara”, diz Biden em discurso

O democrata discursou pela primeira vez desde que sua vitória foi matematicamente confirmada

De maneira bastante descontraída, o democrata Joe Biden se aproximou do púlpito em que iria discursar pela primeira vez após a confirmação matemática de sua vitória nas eleições para a presidência dos Estados Unidos. "O povo me fez dançar em Delaware", brincou.

Ao lado da vice-presidente eleita Kamala Harris, afirmou que eles ganharam com maioria dos votos. “O povo dessa nação nos deu uma vitória clara”, disse o democrata em discurso.

Ele acrescentou que vai unir os Estados Unidos e governar para democratas e republicanos. "Este é o momento de curar o país."

Biden discursou em Delaware, seu estado natal e onde ele construiu a carreira política. O democrata falou logo após sua vice.

O discurso de Biden foi permeado sempre pelo tema da conciliação, reforçando que ele e Harris foram eleitos com 74 milhões de votos. "Hoje sentimos alegria e esperança. Não vou tentar dividir o país, mas sim unificá-lo."

O democrata falou em recuperar o "espírito da América" e que sua administração deve voltar a pensar na "classe média".

Biden disse ainda que a partir de agora os Estados Unidos devem "voltar a ser respeitados no mundo". "Chegou a hora de deixar de lado a retórica difícil e, para isso, precisamos deixar de tratar nossos oponentes como inimigos. A bíblia nos diz que para tudo há um tempo de colher e de plantar. Esse é o momento de curar os Estados Unidos."

O democrata derrotou Donald Trump, que entra para a história como o quinto presidente americano em exercício a não conseguir a reeleição.

A primeira, mas não a última

Abrindo o discurso da vitória, Harris disse que nestas eleições os americanos "protegeram a integridade da democracia."

A senadora também reforçou o tema da unificação do país e que, a partir de agora, o povo americano terá um governo baseado na unidade, decência, ciência e verdade. "Joe é capaz de curar, unir, tem a mão firme e o propósito de retomar o nosso senso de nação."

O momento mais aplaudido de seu discurso foi quando Harris lembrou de sua mãe, uma imigrante indiana que chegou aos Estados Unidos com 19 anos de idade. "Ela não imaginava esse momento, mas acreditava na América e que este momento era possível. Estou pensando nela e nas gerações de mulheres negras, de origem asiática, latinas que ao longo da nossa história pavimentaram o caminho para esta noite." 

Ela destacou que Biden "superou várias barreiras" para escolher uma mulher como vice-presidente. "Embora eu seja a primeira mulher nesse posto,  eu não serei a última porque toda menina que nos assiste hoje vê que este é um país de possibilidades. Para as crianças, essa eleição passa uma mensagem clara: lidere com convicção e saibam que vamos apoiá-los em cada passo de sua jornada."

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também