Nunca pedi que ele fizesse algo errado, diz Trump sobre ex-advogado preso

Trump reiterou não ter feito "nada errado" quanto a pagamentos feitos por Cohen a duas mulheres que teriam tido relacionamentos sexuais com o presidente

São Paulo - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nunca ter pedido ao seu ex-advogado Michael Cohen, sentenciado ontem a três anos de prisão por irregularidades como evasão tributária e duas violações das regras de financiamento de campanha, que fizesse algo errado

Em entrevista à Fox News, Trump reiterou não ter feito "nada errado" em relação a pagamentos supostamente feitos por Cohen a duas mulheres que teriam tido relacionamentos sexuais com o presidente americano - a atriz de filmes adultos Stormy Daniels e a modelo e ex-coelhinha da Playboy Karen McDougal.

 

 

 

Na avaliação de Trump, foi um "erro" ter contratado Cohen e "qualquer coisa que ele tenha feito, fez por conta própria".

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.