Novo bombardeio israelense na Síria deixa 5 civis mortos

O Exército israelense confirmou este novo bombardeio, embora tenha informado que aconteceu contra posições militares

Damasco - Pelo menos cinco civis morreram nesta sexta-feira em um novo bombardeio do Exército de Israel perto da cidade de Quneitra, na Síria, na área de fronteira das Colinas de Golã, informou uma fonte oficial do governo sírio.

"As Forças Aéreas da ocupação israelense atacaram um carro de civis no povoado de Koun, perto da cidade de Quneitra, o que provocou a morte de cinco civis", disse a fonte, que não deu mais detalhes.

O Exército israelense confirmou este novo bombardeio, embora tenha informado que aconteceu contra posições militares.

Trata-se do terceiro ataque israelense sobre território sírio em menos de 24 horas, e Israel garantiu que estes foram realizados em resposta ao lançamento de foguetes ontem a partir da Síria contra o país, pelos quais responsabilizou a organização palestina Jihad Islâmica, que negou as acusações.

Fontes militares sírias informaram também hoje que um soldado do regime morreu e outros sete ficaram feridos no segundo bombardeio israelense, realizado ontem à noite, na região síria das Colinas de Golã.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.