Maoístas do Nepal não são mais terroristas para Washington

A mudança observa que os ex-rebeldes comunistas venceram as eleições em 2008 nesta antiga monarquia e participaram de governos

Washington - Os Estados Unidos anunciaram nesta quinta-feira que não vão mais considerar os maoístas do Nepal como uma organização "terrorista", observando que os ex-rebeldes comunistas venceram as eleições em 2008 nesta antiga monarquia e participaram de governos.

Em um comunicado, o Departamento de Estado indicou que "removeu a designação de entidade terrorista para o Partido Comunista do Nepal (maoísta) e seus associados".

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.