Manifestantes botam fogo no Parlamento de Burkina Faso

Centenas de manifestantes entraram no parlamento do país africano incendiando algumas de suas dependências para evitar votação de emenda constitucional

Ouagadogou - Centenas de manifestantes entraram no Parlamento de Burkina Faso incendiando algumas de suas dependências para evitar a votação da emenda constitucional que permitirá o presidente Blaise Compaoré continuar no cargo.

A Polícia tentou evitar a entrada dos cidadãos utilizando gás lacrimogêneo, mas se viu obrigada a se retirar, segundo pôde presenciar a Agência Efe.

Esta manhã, prevendo o ataque dos manifestantes, policiais e soldados tinham bloqueado com veículos blindados as entradas que levam ao Parlamento.

Enquanto acontecia a entrada no prédio do Parlamento, foram escutadas explosões em outras ruas de Ouagadogou, capital do país.

Compaoré, que está no poder desde 1987 após um golpe de Estado, poderia concorrer de novo às eleições de 2015 se esta emenda for aprovada.

O partido de Compaoré, o Democracia e Progresso (CDP), tem maioria no Parlamento, por isso que o líder da oposição Zéphirin Diabré convocou a "mobilização nacional" contra a emenda.

Os protestos começaram há dois dias, quando milhares de burquinenses se manifestaram em Ouagadogou ao grito de "vinte e sete anos são suficientes" (o tempo que Compaoré está no poder).

Os participantes do protesto chegaram a um milhão de pessoas segundo fontes da oposição, embora a Polícia os tenha calculado em "milhares".

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.