Mais de 4 mil pessoas foram presas na Caxemira indiana em duas semanas

Temendo grandes manifestações, a Índia prendeu milhares de pessoas após a revogação da autonomia da Caxemira

Pelo menos 4.000 pessoas foram detidas na parte indiana da Caxemira desde a revogação da autonomia deste território, por parte de Nova Délhi, há duas semanas, diante do temor de grandes manifestações - disseram fontes do governo à AFP.

Estas pessoas foram detidas em virtude da lei de Segurança Pública, explicou à AFP um juiz que pediu para não ser identificado.

Bastante polêmica, esta lei permite às autoridades indianas manter uma pessoa detida por até dois anos sem acusações contra ela e sem ser submetida ao devido processo legal.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também