Lockdowns obrigatórios são vitais para conter 3ª onda da covid, diz Merkel

"Para a situação melhorar, precisamos parar a terceira onda, quebrá-la, e revertê-la, e as medidas para combater a pandemia precisam ser mais rígidas", disse Merkel

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, disse nesta terça-feira que sua decisão de pedir ao Parlamento poderes temporários que permitem a seu governo impor lockdowns nacionais contra o coronavírus foi necessária para conter uma terceira onda da pandemia no país.

"Para a situação melhorar, precisamos parar a terceira onda, quebrá-la, e revertê-la, e as medidas para combater a pandemia precisam ser mais rígidas", disse Merkel durante entrevista coletiva depois de seu gabinete aprovar um projeto de lei que permite a imposição de um "freio de emergência" nacional caso o número de infecções por 100 mil habitantes em um distrito ou cidade supere 100 por três dias seguidos dentro de uma semana.

"Uma coisa está nos ajudando enormemente: enquanto nos preparamos para essas restrições, a campanha de vacinação está em andamento e ganhando ímpeto todos os dias", afirmou.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.