Boris Johnson diz que nada irá mudar no curto prazo

"Tendo votado para deixar a UE, é vital destacar que agora não há necessidade para pressa e de fato, como o premier disse, nada irá mudar no curto prazo"

Londres - O ex-prefeito de Londres, Boris Johnson, um dos líderes do movimento pela saída britânica da União Europeia e favorito nas casas de aposta para substituir David Cameron como primeiro-ministro, disse que nada irá mudar no curto prazo após o resultado pela saída.

"Tendo votado para deixar a UE, é vital destacar que agora não há necessidade para pressa e de fato, como o primeiro-ministro disse, nada irá mudar no curto prazo", disse Johnson a repórteres nesta sexta-feira.

Johnson disse que no futuro o Reino Unido irá se beneficiar do voto pela saída.

"Podemos encontrar nossa voz no mundo novamente, uma voz que é proporcional à quinta maior economia da Terra", disse.

"Acredito que temos uma oportunidade gloriosa: podemos aprovar nossas leis e ajustar nossos impostos de acordo com a necessidade da economia do Reino Unido."

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.