Invasão da China em Taiwan? Canal de TV anuncia ataques por engano

A emissora provocou nervosismo depois de divulgar vários alertas alertas, incluindo os que afirmavam que a "cidade de Nova Taipé foi atingida por mísseis guiados do exército comunista"
Invasão? Taiwan teme as ameaças da China de anexar a ilha democrática autônoma por considerá-la parte de seu território (Dado Ruvic/Reuters)
Invasão? Taiwan teme as ameaças da China de anexar a ilha democrática autônoma por considerá-la parte de seu território (Dado Ruvic/Reuters)
Por AFPPublicado em 20/04/2022 07:22 | Última atualização em 20/04/2022 07:22Tempo de Leitura: 2 min de leitura

Uma rede de televisão de Taiwan pediu desculpas nesta quarta-feira, 20, por ter provocado "pânico" entre a população depois de ter divulgado por engano uma série de alertas sobre ataques da China contra a ilha.

"A CTS apresenta sinceras desculpas por este grave erro, que espalhou pânico entre o público e provocou problemas às unidades afetadas", afirmou a emissora chinesa CTS, com sede em Taipé, em um comunicado.

A emissora provocou nervosismo depois de divulgar vários alertas alertas, incluindo os que afirmavam que a "cidade de Nova Taipé foi atingida por mísseis guiados do exército comunista" e "Navios explodiram, instalações e barcos foram danificados no porto de Taipé".

LEIA TAMBÉM:

A CTS atribuiu o erro a funcionários, que publicaram o conteúdo dos exercícios de prevenção que a rede produziu para os bombeiros de Nova Taipé.

O incidente aconteceu no momento em que Taiwan teme mais do que nunca que a China concretize as ameaças de anexar a ilha democrática autônoma por considerá-la uma parte de seu território, em um contexto de invasão russa da Ucrânia.

A CTS afirmou que pretende punir de forma severa os responsáveis pelo erro, após uma investigação interna.

Pequim intensificou a pressão sobre Taiwan desde a chegada ao poder em 2016 da presidente Tsai Ing-wen, que considera a ilha um país soberano.

As manobras de intimidação chinesas aumentaram de forma considerável no último ano. Aviões de guerra chineses violam de maneira quase diária a zona de defesa aérea de Taiwan.

Onde Investir em 2022? Faça o teste e descubra se você está preparado para encontrar as melhores oportunidades de investimento do ano!