A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

Houthis tomam controle de cidade estratégica no Iêmen

O movimento rebelde xiita dos houthis tomou o controle da estratégica cidade litorânea de Al Hodeida e de seu porto

Sana - O movimento rebelde xiita dos houthis tomou o controle da estratégica cidade litorânea de Al Hodeida e de seu porto, o segundo em nível de importância do Iêmen, nesta terça-feira.

Habitantes de Al Hodeida informaram à Agência Efe que os milicianos houthis iniciaram a ofensiva na noite de segunda-feira e estabeleceram postos de controle nas principais ruas da cidade, localizada a cerca de 220 quilômetros ao sudoeste de Sana.

Os rebeldes não encontraram nenhuma resistência por parte das tropas do Exército e das forças de segurança na cidade, segundo testemunhas.

Os postos de inspeção foram estabelecidos nos acessos de Al Hodeida, no aeroporto, no porto e na maioria das instituições governamentais.

Uma fonte de segurança disse à Efe que centenas de houthis controlaram também sem resistência uma base militar na cidade de Bayel, situada nas proximidades de Al Hodeida.

Com a tomada da cidade, os rebeldes xiitas já dispõem de uma saída marítima, uma das exigências do movimento, que tem em suas mãos as províncias de Saada e Amran, no norte, e grande parte da capital.

Na segunda-feira, o presidente do Iêmen, Abdo Rabbo Mansour Hadi, nomeou um novo primeiro-ministro, o ex-ministro de Petróleo e Minerais Khalid Mahfuz Bahah, que foi aceito pelos houthis.

Esse esperado gesto de aproximação com as autoridades foi interrompido nesta terça-feira devido ao ataque à estratégica cidade litorânea.

A escolha do primeiro-ministro corresponde ao acordo de paz assinado em 21 de setembro entre Sana e os rebeldes, que estipula a nomeação de um chefe do governo de consenso e de um Executivo que inclua membros houthis.

A atual crise política se desencadeou depois dos protestos liderados pelos houthis em agosto contra o governo por retirar os subsídios estatais aos combustíveis.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também