Farc fazem balanço positivo dos diálogos de paz

"Até o momento há um bom balanço", disse hoje o guerrilheiro "Jesús Santrich", como é conhecido Seuxis Paucias Hernández

Havana - As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) fizeram nesta terça-feira um balanço positivo do curso das negociações de paz com o Governo da Colômbia, ao destacar que o primeiro acordo sobre a participação cidadã no processo demonstra "sintonia" e "resultados concretos".

"Até o momento há um bom balanço", disse hoje o guerrilheiro "Jesús Santrich", como é conhecido Seuxis Paucias Hernández, antes de começar uma nova reunião negociadora no Palácio de Convenções de Havana, após um dia de recesso.

Como todos os dias desde que começou o diálogo em Havana, as Farc divulgaram uma declaração, desta vez para ressaltar o "grande passo" que representa o acordo de realizar um fórum sobre desenvolvimento agrário para que a sociedade civil apresente propostas que depois serão enviadas à mesa de negociação.

Esse espaço aberto à cidadania "se constrói sem detrimento das demais iniciativas populares que sejam realizadas na busca por paz e deverá servir como fator que ajude a motivar uma maior participação e novas iniciativas", segundo a guerrilha.

No entanto, as Farc manterão abertos seus próprios espaços de comunicação e interlocução com as organizações sociais da Colômbia para "recolher de maneira direta os sentimentos, pontos de vista e anseios nacionais".

Em qualquer caso, Santrich comentou à imprensa que o diálogo "vai por bom caminho e com resultados concretos".

"Chegamos a um convênio e isso quer dizer que há acordo e que há sintonia", acrescentou.

A importância do fórum, que acontecerá entre os dias 17 e 19 de dezembro em Bogotá e será organizado pelas Nações Unidas e pela Universidade Nacional da Colômbia, também foi ressaltada pelo presidente colombiano, Juan Manuel Santos, que considera "essencial" a participação cidadã no processo de paz.

Além desse fórum, a mesa negociadora tem pendente a abertura de um site conjunto que incluirá outros mecanismos de participação cidadã. 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.