Mundo

Europa: preços de gás natural saltam mais de 30%, com oferta russa ainda suspensa

Valores saltam após a estatal russa Gazprom não retomar o fornecimento de gás pela Nord Stream 1 ao continente no fim de semana

Gás natural: preços saltam mais de 30% na Europa, com oferta russa ainda suspensa (Agência Petrobras/Reprodução)

Gás natural: preços saltam mais de 30% na Europa, com oferta russa ainda suspensa (Agência Petrobras/Reprodução)

E
Estadão Conteúdo

5 de setembro de 2022, 08h40

Os preços de gás natural na Europa dispararam nesta segunda-feira, 5, após a estatal russa Gazprom não retomar o fornecimento de gás pela Nord Stream 1 ao continente no fim de semana, ao contrário do que estava planejado.

No começo dos negócios desta segunda, os contratos futuros de gás natural no noroeste europeu, que refletem o custo da commodity no mercado atacadista, saltavam mais de 30%. Os preços, no entanto, seguiam abaixo da máxima histórica atingida no fim de agosto. Fonte: Dow Jones Newswires.

LEIA TAMBÉM:

Crise de energia na Europa, feriado nos EUA e o que mais move o mercado