Mundo
Acompanhe:

EUA vão reabrir Estátua da Liberdade em 4 de julho

Na data, é comemorada a independência do país


	Estátua da Liberdade: monumento está fechado desde quando o furacão Sandy atingiu Nova York em 29 de outubro. 
 (Clemmesen / SXC)

Estátua da Liberdade: monumento está fechado desde quando o furacão Sandy atingiu Nova York em 29 de outubro.  (Clemmesen / SXC)

D
Da Redação

19 de março de 2013, 18h32

Nova York - O Serviço de Parques Nacionais dos Estados Unidos planeja reabrir a Estátua da Liberdade a turistas em 4 de julho, quando é comemorado no país o Dia da Independência, disse nesta terça-feira o secretário do Interior, Ken Salazar.

A estátua está fechada desde quando o furacão Sandy atingiu Nova York em 29 de outubro. Apesar de o monumento em si não ter sido afetado, a tempestade danificou as docas, o terreno e o sistema de segurança da atração turística.