EUA analisam todas as opções para lidar com Venezuela, diz fonte

Segundo o alto funcionário, se Maduro prosseguir com a votação do domingo, "haverá uma resposta econômica forte e rápida" dos Estados Unidos

Washington - O governo de Donald Trump está mantendo todas as opções na mesa, incluindo possíveis sanções no setor petrolífero da Venezuela, se o presidente Nicolás Maduro continuar com os planos para criar uma Assembleia Constituinte, disse uma autoridade dos Estados Unidos nesta quarta-feira.

O alto funcionário reiterou a ameaça dos EUA depois que Washington impôs sanções a 13 importantes autoridades do governo venezuelano, das Forças Armadas e da petroleira estatal PDVSA.

"Todas as opções estão sendo cuidadosamente estudadas, cuidadosamente analisadas", disse a autoridade a jornalistas em uma teleconferência, acrescentando que, se Maduro prosseguir com a votação do domingo, "haverá uma resposta econômica forte e rápida" dos Estados Unidos.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.