Campanha de Obama tira Robert De Niro do caminho

Robert De Niro fez um comentário inapropriado sobre primeiras-damas, num comício do qual participava Michelle Obama

Washington - A equipe de campanha pela reeleição do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, tomou distância nesta terça-feira do ator Robert De Niro que, numa brincadeira na véspera, fez um comentário inapropriado sobre primeiras-damas, num comício do qual participava Michelle Obama.

Na noite de segunda-feira, o ator famoso por atuações como "Taxi Driver" deu as boas-vindas a Michelle, num restaurante exclusivo de Greenwich Village em Nova York, citando, ao mesmo tempo, os nomes das demais mulheres dos candidatos à indicação republicana nas eleições presidenciais de 6 de novembro.

"Callista Gingrich. Karen Santorum. Ann Romney. Vocês realmente acreditam que nosso país está pronto para uma primeira-dama branca?", brincou De Niro, enquanto o público explodia em gargalhadas.

Newt Gingrich, ex-presidente da Câmara de Representantes e marido de Callista Gingrich, também não ficou satisfeito.

"O que De Niro disse à noite é imperdoável, e o presidente deveria pedir desculpas em seu nome", disse Gingrich, citado pela CNN, destacando que a brincadeira provavelmente geraria "divisão no país".

Consultada pela AFP, a equipe de campanha do presidente democrata justificou. "Foi uma brincadeira inadequada", disse a porta-voz, Olivia Alair.

A primeira-dama americana, Michelle Obama, participou na segunda-feira de um comício com famosos e de um programa de televisão noturno, lançando-se à arena da campanha do marido.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.