• AALR3 R$ 20,02 -0.60
  • AAPL34 R$ 67,60 -1.76
  • ABCB4 R$ 16,87 0.66
  • ABEV3 R$ 13,95 -0.92
  • AERI3 R$ 3,76 -2.84
  • AESB3 R$ 10,75 -2.01
  • AGRO3 R$ 31,06 0.52
  • ALPA4 R$ 20,08 -3.28
  • ALSO3 R$ 19,00 -2.41
  • ALUP11 R$ 27,14 -0.11
  • AMAR3 R$ 2,40 -2.83
  • AMBP3 R$ 30,90 -0.87
  • AMER3 R$ 22,97 -4.57
  • AMZO34 R$ 63,74 -2.69
  • ANIM3 R$ 5,37 -3.24
  • ARZZ3 R$ 78,14 -1.72
  • ASAI3 R$ 15,79 -0.50
  • AZUL4 R$ 21,26 -3.19
  • B3SA3 R$ 11,96 -1.16
  • BBAS3 R$ 37,66 -0.80
  • AALR3 R$ 20,02 -0.60
  • AAPL34 R$ 67,60 -1.76
  • ABCB4 R$ 16,87 0.66
  • ABEV3 R$ 13,95 -0.92
  • AERI3 R$ 3,76 -2.84
  • AESB3 R$ 10,75 -2.01
  • AGRO3 R$ 31,06 0.52
  • ALPA4 R$ 20,08 -3.28
  • ALSO3 R$ 19,00 -2.41
  • ALUP11 R$ 27,14 -0.11
  • AMAR3 R$ 2,40 -2.83
  • AMBP3 R$ 30,90 -0.87
  • AMER3 R$ 22,97 -4.57
  • AMZO34 R$ 63,74 -2.69
  • ANIM3 R$ 5,37 -3.24
  • ARZZ3 R$ 78,14 -1.72
  • ASAI3 R$ 15,79 -0.50
  • AZUL4 R$ 21,26 -3.19
  • B3SA3 R$ 11,96 -1.16
  • BBAS3 R$ 37,66 -0.80
Abra sua conta no BTG

6 milhões de pessoas fugiram da Ucrânia após invasão russa, diz ONU

Até o momento, mais de 1,6 milhão já voltou para a Ucrânia, seja parcial ou integralmente
 (AFP/Dimitar DILKOFF)
(AFP/Dimitar DILKOFF)
Por Estadão ConteúdoPublicado em 12/05/2022 15:30 | Última atualização em 12/05/2022 15:30Tempo de Leitura: 2 min de leitura

A agência de refugiados das Nações Unidas (ACNUR) reportou que mais de 6 milhões de pessoas fugiram da Ucrânia por conta da invasão russa. Até o momento, mais de 1,6 milhão já voltou para a Ucrânia, seja parcial ou integralmente, informou a ACNUR.

Esteja sempre informado sobre as notícias que movem o mundo. Assine a EXAME por menos de R$ 11/mês

Os números são baseados nas movimentações entre fronteiras e não necessariamente indicam retornos "sustentados", diz a agência, que pontua ser cedo demais para chegar a conclusões sobre "tendências definitivas" nesses retornos.

Porta-voz da ACNUR, Matthew Saltmarsh afirmou que um total de 2 4 milhões de pessoas que deixaram a Ucrânia se mudaram para além dos países fronteiriços imediatos da Ucrânia, que receberam a maior parte dos refugiados do país.

A Polônia sozinha registrou mais de 3,2 milhões de cidadãos que deixaram a Ucrânia. Outros países-membros da União Europeia também têm fronteiras abertas, tornando o rastreamento de onde as pessoas vão um empreendimento complexo.

Na terça-feira, o alto comissário da ONU para Refugiados, Filippo Grandi, tuítou que o número de refugiados desta crise atingiu o mesmo número de 5,7 milhões da contagem da guerra de 11 anos na Síria, que anteriormente foi a fonte da maior crise de refugiados do mundo.

(Estadão Conteúdo com informações de AFP)

LEIA TAMBÉM:

Finlândia deseja adesão 'sem demora' à Otan e anunciará decisão no domingo

Ucrânia suspende parte de operações de gasoduto e preço explode

Putin prepara guerra longa na Ucrânia, diz chefe de inteligência dos EUA

Câmara dos EUA aprova ajuda de US$ 40 bilhões para a Ucrânia