20 soldados morrem em ataque atribuído a Al-Qaeda no Iêmen

Homens armados que circulavam em vários carros atacaram o posto de controle do exército

Adem - Vinte soldados morreram nesta segunda-feira em um ataque contra um posto de controle do exército na província de Hadramaut, sudeste do Iêmen, atribuído por fontes militares a Al-Qaeda, anunciou a agência oficial Saba.

"Vinte soldados morreram no ataque armado contra um posto de controle perto de Reina, 135 km ao leste de Mukala, capital de Hadramaut", afirmou a agência.

Homens armados que circulavam em vários carros atacaram o posto de controle, informaram fontes militares.

Uma fonte militar disse que os agressores são membros da Al-Qaeda na Península Arábica (AQPA). Os ataques contra o exército e a polícia, cada vez mais intensos, são atribuídos com frequência pelas autoridades à rede extremista.

A Al-Qaeda aproveitou o momento frágil do poder central em 2011, em plena revolta popular contra o ex-presidente Ali Abdullah Saleh, para reforçar a influência no sul e leste do Iêmen.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.