B3 questiona Vivara sobre “movimentações atípicas” de ações

B3 pede esclarecimentos sobre oscilações suspeitas registradas nesta semana

Maior rede de joalherias do Brasil, a Vivara teve que se explicar sobre as “movimentações atípicas” de suas ações registradas na terça-feira, 1, dia em a companhia teve alta de 9,72% na bolsa. O pedido de esclarecimento foi feito pela B3, que além das oscilações, também questionou o número de negócios e o volume negociado naquele dia.

Na terça, foram registradas 17.187 de negócios com as ações da Vivara, 56,3% superior à quantidade de segunda-feira, 31, e 227,9% à de sexta-feira, 28. Já o volume de negócios foi de 102 milhões de reais, sendo que, de acordo com a ferramenta de informações financeiras Economática, no ano, a média do volume diário da ação é de 41,4 milhões de reais. Ou seja, 59% menor.

Em resposta ao questionamento, a Vivara informou “não ter conhecimento de nenhum fato ou ato que já não tenha sido divulgado e que caracterize um fato relevante e justifique as oscilações na cotação e no volume de negociação das ações de sua emissão”.

A companhia, porém, afirmou ter notado, no mesmo dia, oscilações atípicas de outras companhias do mesmo segmento. A empresa também afirmou que suas foram incluídas em carteiras recomendadas de setembro de “determinadas casas de análises”, “que pode ter afetado as negociações e contribuído para as oscilações verificadas”.

Página: /

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?

Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?

Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis

Já é assinante? Entre aqui.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.