• BVSP 121.370,48 pts +0,2%
  • USD R$ 5,5565 -0,0321
  • EUR R$ 6,6889 -0,0075
  • ABEV3 R$ 15,78 -0,13%
  • BBAS3 R$ 29,68 -0,30%
  • BBDC4 R$ 23,56 -0,70%
  • BRFS3 R$ 23,91 +1,36%
  • BRKM3 R$ 52,39 +4,82%
  • BRML3 R$ 9,99 +2,04%
  • BTOW3 R$ 67,83 -0,54%
  • CSAN3 R$ 90,4 -0,44%
  • ELET3 R$ 35,26 -0,82%
  • EMBR3 R$ 15,54 -1,71%
  • Petróleo US$ 67,04 +0,40%
  • Ouro US$ 1.770,50 -0,54%
  • Prata US$ 25,86 -0,94%
  • Platina US$ 1.209,50 +0,07%

Petrobras sobe forte após ter melhor trimestre desde 2011

A estatal divulgou que teve lucro líquido de 10 bilhões de reais

São Paulo - As ações da Petrobras lideravam a alta do Ibovespa nesta sexta-feira, após a divulgação do resultado trimestral. Os papéis preferenciais subiam 4,21% e os ordinários, 3,39%.

A estatal divulgou que teve lucro líquido de 10,07 bilhões de reais, o melhor resultado trimestral registrado desde 2011. No mesmo período do ano passado, a Petrobras lucrou 316 milhões de reais, ou seja, um aumento de 3 mil por cento.

Já na comparação com o primeiro trimestre deste ano, o lucro aumentou em 45%, quando no período, a Petrobras, foi de 6,96 bilhões de reais.

Em relatório divulgado a clientes, a Coinvalores afirmou que o lucro da estatal superou as expectativas. “Além do melhor desempenho operacional, que já era esperado, a expressiva redução das despesas financeiras também contribuiu para a alta de 44,6% no lucro líquido em apenas três meses, para R$ 10,07 bilhões.”

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado aumentou 57% ante o segundo trimestre do ano passado, para 30,07 bilhões de reais, como resultado do aumento da margem de vendas de derivados no Brasil e de exportação de petróleo.

Segundo os analistas da Coinvalores, a alta na cotação do petróleo, a desvalorização do real, o maior market share e aumento das vendas de combustíveis no mercado interno explicam, em boa medida, o Ebitda ajustado.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.