Netflix amarga pior dia na bolsa americana em cinco meses

A ação caía cerca de 3% às 15h54 (horário de Brasília), perdendo força depois atingir recorde na segunda-feira após os resultados de 1º trimestre

São Francisco - As ações da Netflix caíram de nível recorde nesta terça-feira e caminhavam para a pior sessão em cinco meses depois de resultados trimestrais que não conseguiram impressionar Wall Street.

A ação caía cerca de 3 por cento às 15h54 (horário de Brasília), perdendo força depois atingir recorde na segunda-feira após os resultados de primeiro trimestre, que marcaram o primeiro balanço de uma companhia importante de tecnologia dos Estados Unidos. A queda era a mais intensa desde 10 de novembro.

Embora os resultados da empresa tenham superado as expectativas do mercado para o primeiro trimestre, o crescimento mais lento que o esperado na base de novos clientes foi minimizado por uma previsão da empresa melhor que as estimativas de analistas para o atual trimestre.

As ações da Netflix acumulam alta de 15 por cento este ano. Mas os resultados não foram suficientes para conquistar investidores preocupados com o valor atribuído à empresa, que está sendo negociada a 110 vezes o lucro esperado.

"A companhia provavelmente vai continuar a experimentar volatilidade de trimestre em trimestre, uma vez que o ritmo de novos assinantes e o caminho de uma lucratividade respeitável continuam difíceis de se determinar", disse Steven Frankel, analista da Dougherty.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 9,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.