Dólar cai a R$ 1,644, menor valor desde 29/8/2008

São Paulo – Em trajetória de queda pelo quarto dia seguido, o dólar comercial caiu mais 0,42% hoje e fechou as negociações no mercado interbancário de câmbio cotado a R$ 1,644, o menor valor desde 29 de agosto de 2008. O dólar à vista negociado na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) recuou 0,38% para R$ 1,6446.

Na semana em que o Banco Central realizou 15 leilões de compra de diversos tipos – a termo, à vista e de swap cambial -, o dólar caiu 1,14%. No mês, a moeda acumula baixa de 1,26% e desde o começo do ano, queda de 1,20%. O euro comercial cedeu 0,17% nesta sexta-feira e fechou a R$ 2,299.

O mercado de câmbio doméstico acompanhou a tendência externa de baixa do dólar em relação ao euro, que foi amparada pelos seguintes fatores principais: o salto do petróleo acima de US$ 104 o barril em Nova York e de US$ 115 o barril na plataforma eletrônica ICE, por causa de relatos de aumento das tensões na Líbia e em outros países do Oriente Médio, que elevaram os temores de que a alta dos custos da energia possa afetar a inflação e a perspectiva de crescimento global; o dado de geração de empregos em fevereiro nos EUA levemente abaixo da expectativa de criação de 200 mil novas vagas; e a expectativa de que o Banco Central Europeu poderá elevar os juros básicos em abril.

A queda do dólar ante o real também refletiu a confiança dos corretores em novos ingressos de recursos estrangeiros no País relacionados a investimentos diretos e captações externas corporativas. Há ainda o interesse dos investidores estrangeiros em aumentar seus ganhos num ambiente de baixo risco, como o brasileiro, que oferece fundamentos sólidos, como um crescimento do PIB de 7,5% em 2010, e alta rentabilidade nas aplicações em real por causa do elevado diferencial de juros interno e externo.

No pregão de hoje o BC fez quatro leilões, sendo dois de compra de dólar a termo com prazos para 23 de março e 4 de abril e dois leilões de compra à vista. Ainda assim, o dólar renovou as taxas mínimas após essas intervenções. A mínima registrada durante os negócios foi de R$ 1,643 (-0,48%).

Câmbio turismo

Nas operações de câmbio turismo, o dólar subiu 1,32% hoje para R$ 1,76 na venda e R$ 1,633 na compra, com alta acumulada de 0,17% no mês e queda de 2,38% desde o começo do ano. O euro turismo teve alta de 0,96% hoje para R$ 2,413 (venda) e R$ 2,25 (compra), com ganho acumulado de 0,84% no mês e de 1,94% no ano.