• BVSP 121.113,93 pts +0,3%
  • USD R$ 5,5873 -0,0014
  • EUR R$ 6,7334 +0,0370
  • ABEV3 R$ 15,85 -0,13%
  • BBAS3 R$ 29,75 +0,37%
  • BBDC4 R$ 26,17 +1,43%
  • BRFS3 R$ 23,62 -2,80%
  • BRKM3 R$ 50,09 +3,24%
  • BRML3 R$ 9,8 +0,20%
  • BTOW3 R$ 68,22 +0,04%
  • CSAN3 R$ 90,81 -0,27%
  • ELET3 R$ 35,46 +3,68%
  • EMBR3 R$ 15,81 -0,94%
  • Petróleo US$ 61,98 +0,00%
  • Ouro US$ 1.795,80 +0,00%
  • Prata US$ 26,17 +0,00%
  • Platina US$ 1.208,70 +0,00%

Bolsas chinesas se aproximam da máxima de três meses

Índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,34 por cento para 3.483 pontos

Hong Kong / Xangai - Os principais índices da China ampliaram os ganhos nesta terça-feira e fecharam perto da máxima em quase três meses, com as expectativas de grandes entradas de fundos de pensão nos mercados acionários melhorando o apetite por risco.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,34 por cento para 3.483 pontos, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,41 por cento a 3.253, o maior fechamento desde 1 de dezembro.

O índice ChiNex de start-ups avançou 1,4 por cento, para a máxima de 5 semanas.

"Os fundos de pensão serão a maior fonte de capital no futuro próximo e certamente escolherão as ações da indústria e, consequentemente, impulsionarão as blue chips", disse o analista da Kaiyuan Securities Tian Weidong.

Já o índice MSCI recuava e mantinha-se abaixo da máxima de 19 meses alcançada na quinta-feira passada. O índice acumula alta de mais de 11 por cento desde 23 de dezembro, quando atingiu o ponto mais baixo após vendas generalizadas desencadeadas pela vitória de Donald Trump nas eleições dos Estados Unidos em novembro.

O índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, tinha queda de 0,04 por cento às 7:50 (horário de Brasília).

. Em Tóquio, o índice Nikkei avançou 0,68 por cento, a 19.381 pontos.

. Em Hong Kong, o índice HANG SENG caiu 0,76 por cento, a 23.963 pontos.

. Em Xangai, o índice SSEC ganhou 0,41 por cento, a 3.253 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,34 por cento, a 3.483 pontos.

. Em Seul, o índice KOSPI teve valorização de 0,89 por cento, a 2.102 pontos.

. Em Taiwan, o índice TAIEX registrou alta de 0,11 por cento, a 9.763 pontos.

. Em Cingapura, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,08 por cento, a 3.094 pontos.

. Em Sydney o índice S&P/ASX 200 recuou 0,07 por cento, a 5.791 pontos.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.