• BVSP 120.933,78 pts -0,2%
  • USD R$ 5,5455 -0,0431
  • EUR R$ 6,6741 -0,0223
  • ABEV3 R$ 15,71 -0,57%
  • BBAS3 R$ 29,63 -0,47%
  • BBDC4 R$ 23,61 -0,49%
  • BRFS3 R$ 23,86 +1,14%
  • BRKM3 R$ 52,67 +5,38%
  • BRML3 R$ 9,81 +0,20%
  • BTOW3 R$ 67,35 -1,25%
  • CSAN3 R$ 89,93 -0,96%
  • ELET3 R$ 34,99 -1,58%
  • EMBR3 R$ 15,43 -2,40%
  • Petróleo US$ 67,06 +0,43%
  • Ouro US$ 1.770,50 -0,54%
  • Prata US$ 25,87 -0,90%
  • Platina US$ 1.210,40 +0,14%

Bolsa avança à espera de dados nos EUA e eleições no Congresso

Às 11h02, o Ibovespa subia 0,27 por cento, a 97.656,06 pontos. O volume financeiro somava 1,49 bilhão de reais

São Paulo - A bolsa paulista  sustentava o viés positivo na manhã desta sexta-feira, antes de dados de emprego dos Estados Unidos, com agentes financeiros também monitorando as eleições no Congresso brasileiro e potenciais efeitos à agenda econômica do governo.

Às 11h02, o Ibovespa subia 0,27 por cento, a 97.656,06 pontos. O volume financeiro somava 1,49 bilhão de reais.

Na véspera, o Ibovespa subiu 0,41 por cento, a 97.393,74 pontos. Na máxima, atingiu 98.405,21 pontos, nova máxima intradia.

O Departamento de Trabalho norte-americano divulga às 11h30 (horário de Brasília) seu amplamente monitorado relatório sobre o mercado de trabalho nos EUA, que ganha ainda mais atenção após sinalizações "dovish" do Federal Reserve.

Para o estrategista Dan Kawa, sócio na TAG Investimentos, se os números vierem muito fortes, o Fed poderá ficar em situação um pouco embaraçosa e o mercado começar a questionar a sinalização de pausa no processo de normalização monetária.

As atenções no plano doméstico estão voltadas para Brasília, para as eleições para as presidências da Câmara dos Deputados e do Senado, previstas para o final do dia.

"O foco está no Senado, com a chance de eleição de Renan Calheiros (MDB-AL) para comandar a Casa. Todo mundo está tentando analisar os potenciais impactos no governo de Jair Bolsonaro", disse o operador Alexandre Soares, da BGC Liquidez.

Além de Renan, também são pré-candidatos a presidir o Senado Alvaro Dias (Podemos-PR), Ângelo Coronel (PSD-BA), Esperidião Amin (PP-SC), José Reguffe (sem partido-DF), Major Olímpio (PSL-SP) e Tasso Jereissati (PSDB-CE).

Na Câmara, o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) busca a reeleição ao comando da Casa, com a concorrência incluindo vários nomes, entre eles Fábio Ramalho (MDB-MG).

A primeira sessão do fevereiro também era marcada por ajustes nos portfólios para o mês.

Destaques

- VALE subia 1,4 por cento, corroborando do lado positivo, enquanto segue volátil após rompimento de barragem da companhia deixar mais de 100 mortos até o momento e centenas de pessoas desaparecidas. Papéis de siderúrgicas também avançavam, com GERDAU PN em alta de 1,9 por cento.

- PETROBRAS PN cedia 0,23 por cento, em sessão sem viés definido nos preços do petróleo no exterior.

- ITAÚ UNBANCO PN tinha acréscimo de 0,44 por cento, com balanço previsto para a segunda-feira, após o fechamento do mercado. BANCO DO BRASIL tinha queda de 0,3 por cento e SANTANDER BRASIL UNIT subia 0,1 por cento, enquanto BRADESCO PN cedia 1,24 por cento, após fortes ganhos na véspera.

- LOJAS RENNER subia 0,8 por cento, ampliando a valorização acumulada em 2019, com agentes financeiros também na expectativa do balanço trimestral da varejista de moda, previsto para a próxima semana, no dia 7.

- EDP BRASIL valorizava-se 3 por cento, tendo de pano de fundo comentários de maneira geral positivos de analistas do Itaú BBA em relatório, com elevação do preço-alvo de 18 para 23 reais e manutenção da recomendação 'outperform'.

- COSAN cedia 1,1 por cento, no segundo pregão negativo, em meio a ajustes, após atingir na quarta-feira máxima de fechamento desde fevereiro de 2018.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.