10 notícias para lidar com os mercados nesta terça-feira

Pão de Açúcar emite R$ 610 mi em debêntures; Ideiasnet vende a NetMovies

São Paulo – Aqui está o que você precisa saber:

1 – Pão de Açúcar aprova emissão de até R$610 milhões em debêntures. A nona emissão de debêntures da maior varejista do país será realizada em série única, com valor unitário de 1 milhão de reais.
 
 
2 – Telefônica diz que ações da Vivo serão incorporadas pela Telesp. A Vivo e a Telesp informaram na noite de segunda-feira que aprovaram a incorporação das ações da operadora móvel pela concessionária fixa, como parte do processo de reestruturação societária das empresas após a Telefônica ter adquirido o controle da Vivo em meados do ano.
 
3 – Ideiasnet vende NetMovies para empresa dos EUA por R$11,1 mi. A Ideiasnet anunciou na noite de segunda-feira que vendeu a totalidade da NetMovies, empresa de locação de DVDs via Internet, para a gestora de investimentos norte-americana Tiger Global Management, por 11,1 milhões de reais.
 
4 – Após queda, IPOs devem retomar crescimento em 2011. Após um ano travado por conta da megacapitalização da Petrobras, fechada em setembro, as ofertas públicas iniciais de ações (IPOs) no mercado brasileiro aos poucos voltam a ganhar espaço. Mesmo com a concorrência da captação da estatal, o volume de IPOs apresenta crescimento de 10,4% este ano em relação a 2009, somando R$ 11,3 bilhões. A projeção de especialistas é de que o ritmo de operações acelere já no primeiro trimestre do ano que vem.
 
 
 5 – A nova oferta de ações da Tecnisa (TCSA3), que pretende levantar até 500 milhões de reais, poderá trazer ao mercado novos papéis a um valor 23% acima do fechamento do último pregão (10,50 reais). O valor seria uma exigência do controlador da empresa, Meyer Joseph Nigri, para dar prosseguimento à operação anunciada no último dia 16. Segundo apurou a Exame.com, o executivo bateu o pé nos 13 reais e disse que até poderia cancelar a venda caso o preço não estivesse de acordo.
 
6 – Dólar comercial abre em baixa de 0,41%, a R$ 1,682. O dólar comercial abriu o dia em baixa de 0,41%, negociado a R$ 1,682 no mercado interbancário de câmbio. No pregão ontem, a moeda americana recuou 0,06% e foi cotada a R$ 1,689 no fechamento. Na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F), o dólar com liquidação à vista abriu o dia em baixa de 0,49%, também cotado a R$ 1,682.
 
 
7 – Governo terá reforço de R$ 808,7 mi da Petrobras. Na reta final do ano, o governo vai receber da Petrobras o reforço no caixa de R$ 808,7 milhões. O valor é referente a juros sobre o capital próprio, que a petrolífera brasileira anunciou ontem e pagará no próximo dia 30 aos acionistas.
 
 
8 – Produção industrial do Japão cresce por demanda asiática. A produção industrial do Japão cresceu pela primeira vez em seis meses em novembro e as manufatureiras esperam aumentar a produção nos próximos meses, sugerindo uma demanda firme na Ásia, que ajudará a economia japonesa a se recuperar no início do ano que vem.
      
9 – Liquidações do varejo ficaram para o início de 2011. O consumidor que deixou para ir às compras depois do Natal na expectativa de aproveitar grandes liquidações nas lojas do varejo tradicional pode ter feito a escolha errada. Boa parte dos shoppings e a maioria das grandes redes varejistas deixaram as liquidações para o mês que vem.
 
 
10 – Justiça libera exploração de petróleo em Abrolhos. Suspensa desde o início do ano, a exploração de petróleo na região do arquipélago de Abrolhos, no litoral baiano, foi liberada pela Justiça. Em decisão anunciada semana passada, o Tribunal Regional Federal (TRF) da 1.ª Região cassou liminar obtida pelo Ministério Público da Bahia contra a atividade da região. Segundo a Agência Nacional do Petróleo (ANP), cinco empresas operam 16 concessões para atuar na área da liminar.
 
 
Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.