Tecnisa lança site de inovação aberta

O Portal Tecnisa Ideias abre espaço para que o público possa participar mais ativamente dos trabalhos da empresa

São Paulo - Desde abril de 2009, a incorporadora Tecnisa investe na "inovação aberta" e, a partir de hoje (13/9), a empresa conta com um novo canal para receber sugestões do público para seus projetos. O <a href="http://tecnisaideias.com.br/">Portal Tecnisa Ideias </a>pretende centralizar as colaborações dos consumidores e, assim, ajudar a empresa a responder melhor e mais rápido às necessidades do público. A companhia também pretende usar o site para identificar novas tendências, por meio dos assuntos mais comuns abordados pelos internautas.</p>

No Tecnisa Ideias, o usuário pode enviar propostas, comentários e sugestões, votar nas ideias de que mais gostou, participar com perguntas e respostas, compartilhar problemas ainda não solucionados e acompanhar as discussões em andamento. Na segunda etapa do projeto, o portal também vai promover desafios e dará recompensas financeiras para as melhores ideias dos participantes.

A empresa chegou a este modelo de site com base na análise do novo perfil de consumidor, sempre ligado nos meios digitais e que gosta de ser ouvido. Assim, a Tecnisa buscou mais uma opção de canal de contato, para facilitar o relacionamento com este consumidor.

Experiência inovadora

No primeiro semestre deste ano, a Tecnisa convidou universitários a apresentar suas ideias de inovação para a empresa. O desafio foi lançado aos estudantes cadastrados no Battle of Concepts, um portal dedicado à inovação e dirigido a jovens acadêmicos ou recém-formados com até 30 anos de idade. Ao todo, foram 53 propostas apresentadas e as três mais inovadoras receberam, juntas, um prêmio de 13 mil reais.

Em abril de 2009, a companhia também investiu em inovação aberta, mas, desta vez, na rede social Orkut. Os internautas foram questionados sobre o projeto Consciência Gerontológica, para dar opiniões e propostas sobre construções inclusivas para idosos e deficientes. A pergunta rendeu mais de 200 ideias. A Tecnisa pagou 1.500 reais para as duas selecionadas.

Leia mais notícias de colaboração

Acompanhe as notícias de Inovação no Twitter
 

Suporte a Exame, por favor desabilite seu Adblock.