Marketing
Acompanhe:

Spotify lança campanha de valorização da cultura preta e anuncia doação

Campanha conta com participação de artistas como LUDMILLA, Djonga, MC Dricka e L7NNON e prevê doação de R$ 3,5 milhões à organização Vale do Dendê

Ludmilla: cantora é uma das participantes de campanha do Spotify (Wagner Meier/Getty Images)

Ludmilla: cantora é uma das participantes de campanha do Spotify (Wagner Meier/Getty Images)

R
Redação Exame

21 de setembro de 2021, 14h16

O Spotify anuncia nesta terça-feira o lançamento da campanha "Abra Seus Ouvidos", em que convida a escutar o que vozes pretas têm a dizer.

De acordo com a empresa, a ideia é apresentar relatos que mostram a extensão de preconceitos e do racismo na indústria cultural, especialmente na música, que teve grande influência da cultura preta. A campanha conta com a participação de LUDMILLA, Djonga, MC Dricka e L7NNON.

"Como parte da campanha, o Spotify também lança hoje a enhanced playlist 'Abra Seus Ouvidos' — que contará com vídeos e áudios exclusivos dos artistas que participam da campanha, compartilhando suas próprias perspectivas e experiências em como é ser um artista negro, além de revelar quais são os outros artistas que influenciam a arte e a obra produzida por eles até hoje", disse a empresa em nota.

Junto da campanha, a empresa anunciou uma doação de 3,5 milhões de reais à organização Vale do Dendê, uma aceleradora de impacto social e centro de inovação em Salvador, na Bahia. Segundo o Spotify, o recurso será usado para apoiar " produtores de música e criadores de podcast, com impacto em mais de 500 profissionais da rede dessas produtoras."

A Vale do Dendê já acelera 150 empresas e impacta mais de 800 com seus programas.

Salvador, além de ser a cidade com a maior população preta fora da África, também é reconhecida por ser capital da música e berço cultural de estilos como Tropicália, Samba, Axé Music.