ARGENTINA 2 x 0 MÉXICO:

Pressionada, Argentina cresce no segundo tempo e bate MéxicoVeja agora.

Por que empresa de marketing e influenciador estão abrindo um restaurante

A empresa de marketing Adventures anuncia a abertura do Baiburger em parceria com o influenciador Gustavo Gomes (Baiano); entenda
 (Baiburger/Divulgação)
(Baiburger/Divulgação)
M
Marina Filippe

Publicado em 05/07/2021 às 08:00.

Última atualização em 05/07/2021 às 10:58.

O crescimento das marcas nativas digitais está desafiando mercados e mudando a atuação de setores como o varejo. Nesse contexto, a empresa de marketing Adventures anuncia uma parceria com o influenciador Gustavo Gomes (Baiano), a empresa de talentos Nift e a DRC (Digital Restaurante Club).

Inovação abre um mundo de oportunidades para empresas dos mais variados setores. Veja como, no curso Inovação na Prática 

A união promove o restaurante Baiburger já disponível em aplicativos de delivery a partir do modelo de dar kitchen. A operação se inicia em São Paulo capital com quatro opções de sanduíches e combos a partir de 19 reais.

“A parceria com o Baiano nasceu de uma amizade e do potencial de criarmos uma comunidade em torno da figura que ele construiu no mercado de games”, afirma Rapha Avellar, co-fundador da Adventures.

A abertura faz parte de um plano da vertical da Adventures para ser um ecossistema de construção e compra de marcas nativas digitais, tendo o controle e os dados sobre toda a experiência com o consumidor, incluindo o momento da venda.

“Vimos o surgimento de empresas nativas digitais ligadas a grandes nomes do mercado, que mostraram o potencial da junção entre marcas, creators e mais", diz Ricardo Dias, fundador da Adventures e ex-Ambev. “Empresas neste formato são sobre a experiência do cliente. Enquanto em alguns varejos pode ser comum que as pessoas não se sintam bem atendidas, essas marcas, por outro lado, tem uma obsessão pelo foco no cliente”.

Com o objetivo de lançar cinco marcas proprietárias até o final de 2021, a Adventures está negociando um aporte de R$ 200 milhões para o segundo semestre deste ano.

Os recursos serão aplicados em tecnologia para ajudar no desenvolvimento de novas marcas, baseados na sociedade em projetos de criação de produtos nas áreas de alimentos e bebidas, beleza e vestuário.