Nissan coloca pôneis malditos no topo do Twitter

Ação da marca que satiriza concorrentes teve também destaque global na rede social

São Paulo - Os pôneis malditos da Nissan conseguiram encantar o público das rede sociais. O comercial da montadora que ridiculariza os motores dos rivais alcançou o primeiro lugar nos Trending Topics no Brasil e teve também destaque glogal: figura em sexto lugar entre os assuntos mais comentados do mundo no Twitter.

A campanha conta com filme de 30 para TV aberta e fechada. Também há uma versão especial para internet, que traz um extra inusitado.

É a ‘Maldição do Pônei’, um vídeo que deve ser encaminhado imediatamente para 10 pessoas ou a maldição pegará em você, explica Manir Fadel, vice-presidente de Criação da Lew’LaraTBWA. A maldição em questão é ficar eternamente com a música do Pônei Maldito na cabeça.

Nessa ação, o internauta será encaminhado para o aplicativo de Facebook Maldição do Pônei, que apresentará um filme introdutório no qual o pônei explica como é possível livrar-se da maldição. O usuário pode gravar sua própria maldição e enviar aos seus amigos um vídeo personalizado com a sua voz distorcida ou compartilhar uma das maldições pré-definidas. Ao enviar para seus amigos, os amaldiçoados receberão um post por dia em seu mural, durante 5 dias, até que acessem o aplicativo, compartilhem e livrem-se da maldição.

Assista ao vídeo

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.