Marketing

Máscara da Adidas esgota em minutos e é revendida mais cara no eBay

Pandemia do novo coronavírus levou a Adidas a vender máscaras de proteção. Lançamento foi um sucesso e deve voltar ao e-commerce em breve

Adidas: Máscara começa a ser vendida no Brasil por preço de custo (Adidas/Reprodução)

Adidas: Máscara começa a ser vendida no Brasil por preço de custo (Adidas/Reprodução)

Marina Filippe

Marina Filippe

Publicado em 28 de maio de 2020 às 10h45.

Última atualização em 29 de maio de 2020 às 08h37.

A fabricante de materiais esportivos Adidas lançou nesta semana, em seu site, uma máscara facial lavável para evitar a contaminação da covid-19.

O pacote com três unidades por 16 dólares chamou a atenção dos fãs da marca e fez com que o produto se esgotasse em minutos. Mas, em seguida, o pacote passou a ser vendido por 90 dólares no site eBay, como relatou o Business Insider. 

Mesmo com o valor cinco vezes acima do original o kit foi vendido.  Nas redes sociais, a marca afirmou o compromisso de relançar o produto nos Estados Unidos e Europa.

A Adidas anunciou que, para cada pacote comprado, dois dólares serão doados ao Save The Children's Global Coronavirus Response Fund.

Para especialistas, embora a máscara facial lavável não tenha classificação médica, seu status de esgotado pode significar um novo mercado para marcas.

No Brasil, a Lupo lançou um kit de duas máscaras por 17,90 reais. O produto está disponível no e-commerce. 

Acompanhe tudo sobre:AdidasCoronavíruseBayVendas

Mais de Marketing

Os times de futebol mais valiosos do Brasil e do mundo em 2024

As 10 marcas mais inclusivas do mundo, segundo pesquisa; Google lidera ranking

Igor Puga é o novo CMO da Zamp, dona do Burger King e Popeyes

Disputa pelas listras: Adidas luta com grife Thom Browne pelo monopólio da marca

Mais na Exame