Estudo mapeia comportamento das mulheres brasileiras no ambiente digital

"Connectonomics Women" aponta como se comunicar de forma eficiente com as consumidoras na internet

São Paulo - Para atingir efetivamente o público que responde por 85% das decisões de compra da casa - e obviamente, que tem a "chave" do orçamento doméstico -, o Yahoo! trouxe ao Brasil o estudo "Connectonomics Women", realizado em parceria com a Added Value.

Apresentado nesta terça-feira em São Paulo, o levantamento, realizado com 500 brasileiras, procurou mapear o comportamento dessas mulheres para descobrir o que elas procuram no ambiente digital, quando se fala em desenvolver produtos e formatos publicitários online voltados para “elas”.

Isso porque, hoje, dos 34% milhões de usuários que navegam no Yahoo! Brasil, 85% são mulheres. “É um número próximo ao universo total de usuários, onde elas respondem por 80%”, informou o presidente das operações no Brasil André Isay.

“Nosso objetivo (com o estudo), é integrar publicidade para se tornar parte da experiência de gerar conteúdo, trazer conhecimento para o mercado e customizar os serviços para o nosso público”, completou o diretor de desenvolvimento de novos negócios Renato Pelissaro.

De modo geral, o estudo conclui que, portais especializados ou de interesses específicos e os e-mails são pontos de contato-chave entre consumidoras e empresas, por oferecem informações valiosas e envolventes através de anúncios.

São esses canais que ajudam e guiam as brasileiras em suas decisões de compras - assim como as ações dos marqueteiros que desejam alcançá-las.

“É para lá que essas consumidoras vão quando querem comprar algo – e não para as redes sociais. As redes são vistas principalmente como canais de interação e compartilhamento de informações primárias – mas não uma fonte confiável para reunir ou buscar informações sobre um produto", destacou o palestrante e analista de pesquisa de mercado e consumo de mídia online do Insights Yahoo! Nick Drew.

“Para as mulheres brasileiras, a propaganda é mais eficaz quando baseada em suas necessidades, não em seus desejos", concluiu.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.