Detroit Steakhouse se manifesta sobre ação anti-Lula em franquia

Marca respondeu após promoção de franquia causar polêmica
 (Nacho Doce/Reuters)
(Nacho Doce/Reuters)
G
Gabriel Grunewald, do AdNews

Publicado em 24/01/2018 às 16:56.

Última atualização em 24/01/2018 às 17:05.

Com o Brasil atento ao julgamento de Luiz Inácio Lula da Silva em processo da operação Lava Jato coordenada pelo juiz Sérgio Moro, é natural que algumas marcas peguem carona na audiência e criem ações inspiradas no evento para atrair público.

É o caso da franquia de Manaus da rede Detroit Steakhouse, que nesta quarta-feira (24) criou uma promoção para comemorar a possível prisão do político. Dessa maneira, ela daria 1% off para cada ano que Lula fosse condenado.

Publicada nas redes sociais do restaurante, a postagem viralizou e o indigesto posicionamento político fez com que o grupo Detroit Steakhouse divulgasse um comunicado contra a atitude isolada do restaurante manauara.

Em nota oficial, a companhia com mais de 20 unidades espalhadas pelo país, expôs as dificuldades de afinar a comunicação entre os franqueados e alegou que "A postagem foi uma ação não autorizada e isolada da franquia de Manaus. Nós, da franqueadora Detroit Steakhouse, pedimos as mais sinceras desculpas a quem se sentir ofendido e ressaltamos que não posicionamento político partidário por parte da franquia".

Confira abaixo a declaração completa veiculada no Facebook:

Conteúdo publicado originalmente no site AdNews.