Crianças assinam contrato com a Nike e batem recorde de Neymar e Rodrygo

Enzo Peterson, do São Paulo, e Willian Nascimento, do Flamengo, chamam a atenção da Nike aos 10 anos de idade

Com apenas 10 anos, Enzo Peterson, aposta da equipe sub-10 do São Paulo assinou um contrato com a Nike e bateu os recordes dos brasileiros Neymar e Rodrygo, que fecharam os patrocínios quando tinham 13 e 11 anos, respectivamente. 

O jovem jogador, porém, não é a criança brasileira mais jovem entre os patrocinados pela Nike. Willian Nascimento, do Flamengo, que iniciou um contrato com a fabricante de materiais esportivos também neste mês, nasceu em abril de 2010, enquanto Enzo nasceu em março do mesmo ano. 

Segundo analistas de mercado, essa é uma tendência mundial positiva para os jogadores, já que ajuda na gestão de carreira desde a infância.

“Cada vez mais cedo os atletas dos Estados Unidos fazem parte de grandes estruturas de negócios, nas quais as empresas têm métricas para identificar quem são os futuros ídolos das gerações. A novidade no Brasil segue essa tendência”, diz Amir Somoggi, sócio da Sports Value e especialista em gestão esportiva.

Willian Nascimento: jogador do Flamengo assina com a Nike

Willian Nascimento: jogador do Flamengo assina com a Nike (Arquivo pessoal/Divulgação)

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?

Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?

Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis

Já é assinante? Entre aqui.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.