A página inicial está de cara nova Experimentar close button

COB e Peak repudiam jogadores de futebol por não usarem agasalho no pódio

Os jogadores descumpriram a determinação do COB de vestir o agasalho oficial da delegação fornecido pela empresa Peak

O Comitê Olímpico Brasileiro divulgou neste domingo, 8, uma nota de repúdio à Confederação Brasileira de Futebol e aos jogadores da seleção masculina de futebol por sua atitude na cerimônia de entrega das medalhas da Olimpíada de Tóquio.

Depois de derrotar a Espanha por 2 x 1 na prorrogação na final, os jogadores subiram ao pódio para receber a medalha de ouro e descumpriram a determinação do COB de vestir o agasalho oficial da delegação fornecido pela empresa Peak - eles vestiram a camisa do time, da Nike, com a calça do uniforme oficial mas com a jaqueta amarrada na cintura.

Segundo a nota do COB, após o encerramento dos Jogos o comitê "tornará públicas as medidas que serão tomadas para preservar os direitos do Movimento Olímpico, dos demais atletas e dos nossos patrocinadores".

A Peak também se manifestou sobre o assunto em um post no perfil oficial da empresa no Instagram, pedindo que alguém seja responsabilizado pelo ocorrido.

"Parabenizamos o time brasileiro de futebol. No entanto, esperamos que este confronto não esteja nas manchetes amanhã. Confirmamos que houve um rumor que a Nike seja uma marca secundária da Peak e que fazemos parte da mesma companhia. Aqui confirmamos que somos empresas diferentes e não tínhamos nenhuma intenção de combinar a camisa deles com nossas calças no pódio", escreveu a Peak, em inglês.

"Alguém deve ser responsabilizado por isso e por colocar a Nike em uma situação embaraçosa. Nós somos a Peak. Eles são a Nike... De qualquer forma, os atletas estão de parabéns", completou.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também