Black Friday: Google revela os itens de desejo em cuidados pessoais

Pesquisa do Google aponta quais itens os brasileiros pretendem buscar na Black Friday para o autocuidado e avisa: não haverá fidelidade às marcas

A categoria de cuidados pessoais promete ser importante este ano na Black Friday brasileira, segundo a empresa de tecnologia Google a partir de um estudo realizado on-line com 500 consumidores.

A vida está mais complexa, a rotina mais intensa, mas a EXAME Academy pode ajudar a manter a mente em foco 

O estudo mostra que não há fidelidade de marca, e o mais importante é ser impactado por boas ofertas. Para todas as categorias analisadas, mais de 50% deles responderam que trocariam de marca caso encontrassem um preço mais baixo: Cuidados com o Bebê (70%), Farmácia (59%), Cuidados com a Casa (57%), Beleza (56%) e Cuidados Pessoais (55%).

“A baixa fidelidade do consumidor frente à promoções associada às mudanças de comportamento devido a pandemia, diminuição do poder de compra e alta expectativa com a Black Friday, fazem da data um momento de experimentação para as marcas e, consequentemente, ganho de penetração e market share”, diz Marco Bebiano, diretor de negócios para bens de consumo, tecnologia e governo do Google Brasil.

Categorias mais populares

O estudo mostrou que 47% pretendem comprar produtos como Vitaminas e Suplementos (29%) Desodorantes (25%), Cuidados Íntimos (23%) e Sabonetes (23%), Higiêne Bucal (21%) e Lâminas de Barbear (20%).

Já a categoria de Beleza foi apontada por 37% dos entrevistados, com destaque para Perfumes (36%) e Maquiagem (25%). Completam a lista os produtos para cuidar dos cabelos (23%), da pele e do corpo (18%), além de protetores solares (15%).

As intenções por produtos de Farmácias aparecem com alto índice de intenção de compras de 31%. Itens como Vitaminas (31%), Multivitamínicos (16%), remédios para Dores (15%) e Alergias (12%) estão entre mais indicados.

Por fim, o estudo aponta que a presença das marcas na data com estratégias de marketing e comunicação são reforçadas pelas principais motivações de compra para os consumidores: oportunidade de testar um novo produto. Em um ano de instabilidade econômica, as promoções ganham mais relevância do que nunca, e a Black Friday trará, além de bons preços, uma temporada de experimentação.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.