Marketing
Acompanhe:

Anúncio que transformou Praga na "cidade musical" é proibido

Ação trocou as placas com os nomes das ruas de Praga, pelo título de algumas canções populares

Anúncio da Toyota: iniciativa recebeu 74 queixas de pessoas que consideravam a ação irresponsável e perigosa (Reprodução/YouTube)

Anúncio da Toyota: iniciativa recebeu 74 queixas de pessoas que consideravam a ação irresponsável e perigosa (Reprodução/YouTube)

D
Da Redação

29 de outubro de 2014, 12h40

São Paulo - Você já imaginou andar pelas ruas da cidade e programar uma playlist que se identifica com cada lugar onde você está passando naquele exato momento? Foi mais ou menos o que fez o pessoal da Saatchi & Saatchi, de Londres, para a campanha "The Musical City" da Toyota.

Chamada "A cidade musical", a ação trocou as placas com os nomes das ruas de Praga, pelo título de algumas canções populares. A ideia foi mostrar que não há como não cantar de felicidade ao dirigir o novo modelo da marca, o "Toyota Yaris Hybrid".

O problema, no entanto, é que a iniciativa recebeu 74 queixas de pessoas que consideravam a ação irresponsável e perigosa, por desviar a atenção dos motoristas. Segundo os denunciantes, o comercial de TV também não dá bons exemplos de direção responsável, já que algumas pessoas tiram a mão do volante para gesticular e até praticamente fecham o olho com as canções.

A ativação já aconteceu e o vídeo foi visualizado milhares de vezes. Mesmo assim, a Advertising Standards Authority, uma espécie de Conar britânico, suspendeu a veiculação do comercial na TV.

O vídeo continua no Youtube. Confira:

//www.youtube.com/embed/i8SYjEpWS08